Últimos dias para participar da Consulta Pública sobre a Política SP de Museus e Sustentabilidade

SISEM-SP realiza consulta pública do documento até o fim de outubro

A busca por um desenvolvimento sustentável como propósito das políticas públicas museais paulistas é o foco do texto-base da Política SP de Museus e Sustentabilidade, que está em processo de consulta pública e recebe críticas e/ou sugestões até o fim de outubro.

Qualquer pessoa pode acessar o documento e fazer sua contribuição para opinar pela manutenção das diretrizes sugeridas, sugerir uma nova redação ou até mesmo opinar pela não incorporação de uma diretriz à Política, para isso, basta clicar aqui.

A elaboração do material se estrutura no escopo de cinco diretrizes estratégicas da Secretaria da Cultura e Economia Criativa de São Paulo em alinhamento com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), priorizados pela Organização das Nações Unidas (ONU) na Agenda 2030. São eles:

* Desenvolvimento econômico promovendo o investimento, a inovação, o turismo e a economia criativa;

* Desenvolvimento social garantindo os direitos individuais e coletivos e promovendo a autonomia plena;

* Desenvolvimento sustentável preservando o meio ambiente e protegendo a população ante os desastres naturais;

* Gestão pública moderna e eficiente, comprometida com a qualidade dos serviços públicos, controle de gastos e transparência.

Os dezessete ODS foram incorporados pelo Governo do Estado de São Paulo no âmbito das diretrizes do PPA 2020-2023. A elaboração da Política SP de Museus e Sustentabilidade, conforme proposto pelo Grupo Técnico de Coordenação do Sistema Estadual de Museus de São Paulo (SISEM-SP), instância da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, subordinada à Unidade de Preservação do Patrimônio Museológico (UPPM), se estrutura no escopo desse alinhamento.

“O texto tem uma perspectiva multidimensional no que se refere à sustentabilidade em museus ao incluir as dimensões social, cultural, econômica e ambiental. São temáticas trabalhadas pelo SISEM-SP em diversas atividades dos últimos anos, desde debates virtuais e seminários a eventos fixos de nossa agenda, como o Encontro Paulista de Museus e a série Encontro Paulista de Museus itinerante”, comenta Davidson Kaseker, diretor do Grupo Técnico de Coordenação do SISEM-SP (GTC/SISEM-SP).

Todos os conteúdos dos seminários, webinários e outras atividades desenvolvidas pelo SISEM-SP com foco na Sustentabilidade em Museus estão disponíveis aqui , onde é possível acessar as ações de desenvolvimento da Política SP de Museus e Sustentabilidade já realizadas.

Para conhecer as demais diretrizes do documento, acesse https://www.sisemsp.org.br/politica-sp-de-museus-e-sustentabilidade.

Fonte: SISEM-SP