SISEM-SP publica seu relatório anual de atividades 2019

O ano de 2019 foi emblemático para o Sistema Estadual de Museus de São Paulo (SISEM-SP), instância da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, que atuou fortemente em suas cinco linhas principais de ação: Articulação, Apoio Técnico, Comunicação, Formação e Fomento. Para prestar contas de suas ações, oferecendo uma visão pormenorizada de sua atuação, o SISEM-SP acaba de divulgar o relatório anual de atividades 2019, que já está disponível no site.

Download “Relatório Anual de Atividades do Sistema Estadual de Museus - 2019” Relatorio-Anual-SISEM-SP-2019.pdf – Baixado 66 vezes – 6 MB

Neste período, marcado por muita mobilidade da equipe do SISEM-SP e dos profissionais dos museus de todo o estado, concretizou-se uma aspiração de longa data: a primeira edição do Encontro Paulista de Museus itinerante (EPMi).

O evento, realizado em parceria com a Organização Social de Cultura ACAM Portinari e o SESC-SP, percorreu seis macrorregiões paulistas com debates e conferências acerca de diversas temáticas escolhidas por representantes de cada região, além de oficinas de capacitação. A nova prática de mobilização foi bem recebida pelo público e tem espaço fixo na agenda de ações do Sistema: em anos pares será realizado o Encontro Paulista de Museus (EPM) e em anos ímpares, o EPMi.

Apoiar os museus a incrementarem suas programações por meio da itinerância de exposições é uma linha de ação consolidada no SISEM-SP. No ano de 2019, foram realizadas 16 itinerâncias em 33 municípios paulistas. Destaque para a iniciativa do edital de chamada pública do Programa de Itinerâncias de exposições da ACAM Portinari, em parceria com o SISEM-SP. Criado em 2018, o edital objetivava a seleção de projetos de cunho cultural para exposições de temáticas diversificadas a serem itineradas por seis macrorregiões do estado de São Paulo.

Na área de Formação, foram desenvolvidas diversas atividades em parceria com as Organizações Sociais de Cultura. Além das oficinas ministradas pela ACAM Portinari nas seis edições do EPMi, outras OSs ofereceram atividades diversas como palestras, oficinas, workshops e estágios para os profissionais de museus. O relatório detalha cada uma delas.

O documento traz informações detalhadas sobre todas as ações realizadas como eventos de fortalecimento das Redes Temáticas de Museus, cujos destaques foram a articulação para criação de uma rede de instituições que atendam à temática do café – RedeCafé; o Encontro Paulista de Museus, Memórias Ferroviárias e Paisagens Culturais e o Encontro de Museus-Casas Literários. Outras ações como a campanha Sonhar o Mundo, atividades do Programa de Municipalização de Museus Históricos e Pedagógicos, entre outros, também estão disponível para consulta.

Ser referência para profissionais, especialistas e estudantes do setor museológico é um dos compromissos do SISEM-SP e a internet, por meio do website e das redes sociais, é um dos canais utilizados para isso.

Há ainda uma análise completa no âmbito da comunicação institucional do SISEM-SP. Destaque para os números do site, que cresceram mais de 100% em um ano. Em 2019, a página www.sisemsp.org.br contabilizou 229.027 sessões, 130.034 a mais do que as 98.993 visitas registradas em 2018, segundo a ferramenta Google Analytics.

Outro registro importante na consolidação do portal é o número de downloads das publicações selecionadas pelo SISEM-SP. Em 2019 foram realizados 2.923 downloads, superando os 2.103 efetuados em 2018, um crescimento de 78%. Como o levantamento inédito realizado de tipos de documentos disponibilizados para downloads, conseguiu-se identificar a relevância de cada publicação para o público.

Foi em 2019, ainda, que o SISEM-SP trouxe à pauta do debate a questão da Sustentabilidade em Museus, tema que em 2020 se desdobrou em uma série de atividades com o objetivo de reconhecer o lugar estratégico dos museus como espaços de diálogo, debate e interação social – seja como processo ou como produto – que instrumentalizam e potencializam o desenvolvimento sustentável tanto no âmbito organizacional como no território em que se inserem.

“O Relatório de Atividades de 2019 do SISEM-SP procura apresentar fielmente todo o trabalho desenvolvido ao longo no ano no sentido de qualificar, aperfeiçoar e valorizar as organizações e os acervos museológicos paulistas, bem como seus profissionais”, comenta Davidson Kaseker, diretor do Grupo Técnico de Coordenação do SISEM-SP (GTC/SISEM-SP).

Fonte: SISEM-SP