Sesc Ipiranga sedia seminário internacional Desenhando o futuro: Gestão e Sustentabilidade em museus

Nos dias 23 e 24 de outubro, o Museu Paulista da USP promove, em parceria com o Sesc Ipiranga, o seminário internacional Desenhando o Futuro: Gestão e Sustentabilidade em Museus.

Realizado no Sesc Ipiranga, das 9h às 19h, o evento promove um amplo debate sobre a função da instituição “museu” na contemporaneidade e avalia estratégias para a sua manutenção e sustentação financeira.

O evento é pago (R$ 18 a R$  60), com inscrições antecipadas no link http://seminario.cfinternet.sescsp.org.br/index.cfm?cgs_codigo=07846.

 Confira a programação:

Dia 23
Manhã – Conferência de abertura
Paulo Amaral (Presidente IBRAM)
Mediação: Renata Motta (Assessora de museus da Universidade de São Paulo e presidente do ICOM Brasil)

Tarde – Mesa 1 – Quais os desafios e ferramentas para os museus universitários construírem um futuro sustentável, com os palestrantes Laura Van Broekehoven (Pitt Rivers Museum – Universidade de Oxford/Inglaterra) e Anthony Shelton (Antrhopology Museum – Universidade da Colúmbia Britânica/Canadá), e mediação de Paulo Garcez (Museu Paulista/Universidade de São Paulo).

Os museus universitários são unidades por natureza híbridas. Tanto são de ensino e pesquisa, componentes de suas respectivas universidades, quanto são unidades de atendimento ao público ampliado, em suas mais diversas modalidades. Por conta disso os desafios para a construção da sustentabilidade dos museus universitários são diversos daqueles enfrentados pelos demais museus. Esta sessão do seminário, reunindo representantes de três grandes museus universitários, se dedica a investigar e buscar caminhos para a solução desta questão.

Dia 24

Manhã – Mesa 2 – Como os museus podem atuar para auxiliar o desenvolvimento de suas comunidades?, com os palestrantes Alemberg Quindins (Fundação Casa Grande/Brasil),  Tui Te Hau (Biblioteca Nacional da Nova Zelândia/Nova Zelândia) e mediação de Marília Bonas (Memorial da Resistência/Brasil).

O mundo contemporâneo apresenta um conjunto complexo de problemas e desafios a serem vencidos. Parte significativa desses desafios estão sintetizados nos Desafios do Milênio prescritos pela Organização das Nações Unidas (erradicação da fome, da desigualdade de gêneros e étnica, universalização da educação básica, etc.). Os Museus são equipamentos que dependem de investimentos significativos do poder público e ocupam lugar e papel estratégicos nestas sociedades cheias de desafios, portanto espera-se, sempre, que eles atuem efetivamente para a superação destes desafios. Esta sessão se dedica a debater como os museus podem atuar de modos diversos, e mais incisivos, para auxiliar na superação dessas questões.

Tarde – Mesa 3 – Como os museus se posicionam diante dos novos desafios postos pelo mundo atual?, com os palestrantes Lucas Sigefredo (Jardim Botânico Inhotim/Brasil) e Alessandro Batista (Museu da Vida/ Rio de Janeiro) e mediação de Andrea Nogueira (CPF/SESC São Paulo).

Enfrentamos, nos dias atuais, não apenas uma sequência de desafios e crises climáticas e ambientas, mas, também, desastres das mais diversas ordens e escalas. Além do mais enfrentamos um ataque sistemático a ciência e a relativização de todo conhecimento produzido pelo universo acadêmico. Os museus não estão a parte desse cenário. Esta sessão se dedica a refletir como os museus e posicionam e enfrentam estas questões.

Serviço

Seminário Internacional Desenhando o Futuro: Gestão e Sustentabilidade nos Museus

Data e horário: dias 23 e 24 de outubro, das 9h às 19h

Local: Teatro do Sesc Ipiranga (Rua Bom Pastor, 822 – Ipiranga, São Paulo/SP)

Quanto: R$60 (inteira), R$30 (meia) e R$18 (credencial plena Sesc)

Inscrições: no site do Sesc Ipiranga, no link http://seminario.cfinternet.sescsp.org.br/index.cfm?cgs_codigo=07846.

Informações: gestaomuseus@ipiranga.sescsp.org.br

Fonte: Sesc Ipiranga