São Paulo sedia III Curso CIDOC/ICOM de Documentação em Museus (vagas esgotadas)

Pinacoteca Fachada Preto e Branco

 

Introdução

O CIDOC, Comitê Internacional de Documentação do ICOM, em parceria com o Museu da Texas Tech University, desenvolveu um programa inovador de seminários de formação em Documentação em Museus. Em 2013, o programa foi oferecido pela primeira vez no Brasil, tendo recebido mais de 70 alunos. A segunda edição, em 2014, contou com a participação de 90 alunos. Essa terceira edição do programa é fruto de uma colaboração com a Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, a Pinacoteca do Estado de São Paulo, o Instituto de Arte Contemporânea e o Centro Universitário Belas Artes de São Paulo, além de contar com o apoio da Technolach, do Museu da Imigração e do Sistema Estadual de Museus – SISEM-SP.

Direcionado tanto para profissionais experientes da área de Museus como para principiantes, o programa reunirá especialistas consagrados – membros do CIDOC, professores universitários, especialistas de instituições brasileiras – e profissionais da documentação em busca de orientações e treinamento. O programa de formação do CIDOC, tradicionalmente nomeado “escola de verão”, acontece anualmente em diferentes localidades e as aulas são ministradas em um dos três principais idiomas do ICOM (inglês, francês e espanhol). A edição brasileira do Programa de Treinamento em Documentação em Museus do ICOM-CIDOC terá aulas em português, espanhol e inglês, com tradução simultânea.

Assim como em suas versões anteriores, o programa de formação do CIDOC será abrangente e acessível. Os cursos são planejados como uma série de módulos inter-relacionados, facilitando aos participantes a possibilidade de adaptar o currículo as suas necessidades individuais e interesses particulares. Serão oferecidos cursos tanto de níveis avançados quanto básicos, contemplados com um certificado em caso de realização completa das disciplinas básicas do curso.

O CIDOC trabalha em estreita colaboração com outras organizações profissionais para garantir que o programa de treinamento seja capaz de responder questões atuais, diretamente conectadas com a prática de documentação cotidiana das instituições.

ICOM-CIDOC e Museum of Texas Tech University

CIDOC

Criado em 1950, na reunião inaugural do ICOM, o Comitê Internacional de Documentação (CIDOC) tem a longa tradição de oferecer oficinas de treinamento e seminários. O CIDOC é uma comunidade internacional formada por especialistas em documentação de mais de 70 países. É essa diversidade coletiva de experiências e expertises que colocam o CIDOC em uma posição privilegiada para oferecer treinamentos em documentação para museus, em uma variada gama de linguagens. O CIDOC desenvolveu seu programa de treinamento em parceria com o Museu da Texas Tech University. Fundado em 1929, o museu oferece programas de mestrado em Museologia e Administração do Patrimônio.

Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo

SaoPaulo

A missão da Secretaria de Estado da Cultura é formular e desenvolver políticas públicas visando a excelência na preservação do patrimônio cultural, no estímulo à produção artística e na garantia de acesso aos bens culturais para a população do Estado de São Paulo, em toda a sua diversidade. As políticas públicas de cultura da SEC são implementadas através de suas unidades, que desenvolvem suas ações diretamente ou em parceria com Organizações Sociais.

Pinacoteca do Estado de São Paulo

Logo Pinacoteca-Escolhido

A Pinacoteca do Estado é um museu de artes visuais, com ênfase na produção brasileira do século XIX até a contemporaneidade, pertencente à Secretaria de Estado da Cultura. Fundada em 1905 pelo Governo do Estado de São Paulo, é o museu de arte mais antigo da cidade de São Paulo. Está instalada no antigo edifício do Liceu de Artes e Ofícios, projetado no final do século XIX pelo escritório do arquiteto Ramos de Azevedo, que sofreu uma ampla reforma com projeto do arquiteto Paulo Mendes da Rocha, no final da década de 1990. O foco principal do trabalho desenvolvido pela Pinacoteca do Estado de São Paulo é aprimorar a qualidade da experiência do público com as artes visuais por meio do estudo, salvaguarda e comunicação de seus acervos, edifícios e memórias; da consolidação e ampliação desses acervos; e do estímulo à produção artística.

Instituto de Arte Contemporânea

logo

O Instituto de Arte Contemporânea tem como objetivo principal valorizar a arte contemporânea brasileira. Para isso, foca suas atividades na preservação e na divulgação de Arquivos Pessoais de artistas contemporâneos, em particular, nas suas expressões geométrica e de tendência construtiva. O acervo é organizado, acondicionado e disponibilizado ao público por meio do trabalho desenvolvido por seu Núcleo de Documentação e Pesquisa. As ações principais do IAC são a coleta, guarda, catalogação, conservação, pesquisa, divulgação e acesso gratuito à documentação histórica e aos arquivos dos artistas do seu acervo. O IAC mantém um Programa de Exposições, apresentando ao público, em sua sede, mostras de acervo organizadas por curadores convidados. Além disso, organiza exposições de nível internacional em parceria com instituições museológicas.

Centro Universitário Belas Artes

Belas Artes logo

O Centro Universitário Belas Artes de São Paulo tem por missão criar, produzir e difundir conhecimento por meio das artes, da cultura e das ciências humanas e sociais, visando a formação humanística e despertando em seus alunos o desejo permanente de aperfeiçoamento cultural e profissional nessas áreas.

Technolach

Logotipo Tecnolach

A Tecnolach, faz parte do CH Grupo, formado por Unidades Independentes com infraestruturas operacionais e industriais próprias. Todas têm capacidade de atuação direta em seus respectivos segmentos, cumprindo missão individual e conjunta, segundo uma estratégia de suprimentos vertical em todas as demandas e projetos, sendo que a Tecnolach tem em seu foco a guarda de acervos, conservação de documentação e ainda reservas técnicas.

Museu da Imigração

museu-da-imigracao-logo-1353593258

Com reinauguração realizada em maio de 2014, o Museu da Imigração, instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, reabriu suas instalações com novo plano museológico e exposição de longa duração. Sediado no edifício da antiga Hospedaria do Brás – patrimônio público e importante ícone da história do estado e da cidade de São Paulo – o MI retomou suas atividades com o objetivo de compreender e refletir o processo migratório a partir da história das 2,5 milhões de pessoas que passaram pelo edifício, ressaltando também a importância dos
fluxos contemporâneos.

Sistema Estadual de Museus

Para o destaque2

O Sistema Estadual de Museus (SISEM-SP) congrega e articula os museus do Estado de São Paulo, com o objetivo de promover a qualificação e o fortalecimento institucional em favor da preservação, pesquisa e difusão do acervo museológico paulista. Em mapeamento realizado em 2010, foram listadas 415 instituições museológicas, públicas e privadas, em 190 municípios paulistas. O SISEM-SP se estrutura em torno das premissas de parceria e responsabilidade compartilhada, em que as ações previstas para cada região são concebidas levando-se em conta o contexto, as demandas e as potencialidades locais. É coordenado pela Unidade de Preservação do Patrimônio Museológico da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo (UPPM/SEC), tendo como instância organizacional o Grupo Técnico de Coordenação do Sistema Estadual de Museus (GTC SISEM-SP).

Módulos do programa

O programa é organizado em uma série de módulos, cada um dos quais podendo ser realizado separadamente ou em conjunto, de modo a atender necessidades individuais. Os módulos são classificados de acordo com níveis de dificuldade: níveis 100, 200, 300, etc. Existem três tipos: presencial, online e de estudo independente.
Módulos presenciais: são oferecidas aulas presenciais em situações tradicionais de ensino. Cada módulo presencial acontece em meio período durante o dia; alguns trabalhos adicionais são exigidos além do horário das aulas. Cada módulo possui material de apoio contendo textos, exercícios para autoavaliação e bibliografia. Vários módulos envolvem exercícios práticos em oficinas e estúdios, que serão disponibilizados pelas instituições parceiras do curso.

Módulos online: como o nome já diz, são cursos digitais e interativos que podem ser acompanhados online. A avaliação é automática, parte do processo de ensino.

Módulos de estudo independente: foram desenvolvidos para projetos de pesquisa, redação de artigos etc., que são avaliados por um tutor especialista do CIDOC. São realizados por alunos que já cursaram todos os módulos presenciais requeridos e estão iniciando o trabalho monográfico para obter a certificação do programa de treinamento do CIDOC.

Módulos do programa – versão brasileira

Na versão brasileira do “Programa de Treinamento em Documentação em Museus do CIDOC/ICOM” o método de aula adotado será o de módulos presenciais. Módulos online e de estudo independente são elementos complementares no conjunto global do processo de aprendizado, mas não estarão disponíveis na versão brasileira do programa de treinamento.

Certificação

Os estudantes do “Programa de Treinamento em Documentação em Museus do CIDOC/ICOM” recebem créditos e um certificado de participação pelo sucesso na conclusão dos módulos. Ao completar o programa principal (14 módulos) e desenvolver estudo monográfico avaliado por uma banca especializada os participantes recebem um certificado final do ICOM/CIDOC.

Para completar o programa principal, os estudantes podem igualmente participar de mais uma sessão dos cursos do CIDOC ou complementar seus estudos com aulas online ou módulos de estudos independentes.

Na versão brasileira do “Programa de Treinamento em Documentação Museológica do CIDOC/ICOM” o método de aula adotado será o de módulos presenciais. Módulos online e de estudo independente são elementos complementares no conjunto global do processo de aprendizado, mas não estarão disponíveis na versão brasileira do programa de treinamento.

Cronograma das Aulas

5- Sessões 2015 - grade final - T R - revisão de MH 2015 03 04 - T R final

Corpo docente

Ana Panisset (Brasil)
Fernanda Auada (Brasil)
Gabriel Moore (Brasil)
José Rosael (Brasil)
Juliana Monteiro (Brasil)
Lina Nagel (Chile)
Marilúcia Bottallo (Brasil)
Nicola Ladkin (EUA)
Nicholas Crofts (Suíça)
Tariana Stradiotto (Brasil)

Pré-requisitos e responsabilidades

Os módulos são classificados de acordo com seus graus de dificuldade, sendo 100, 200, 300, etc. Não há pré-requisitos para os cursos introdutórios.

Os estudantes não precisam ser membros do CIDOC. As expectativas concernentes ao curso incluem: preparação para as aulas – leitura prévia dos materiais; frequência e participação nas discussões e tarefas em sala de aula; respeito aos prazos para conclusão e submissão das tarefas do curso e redação dos trabalhos em formatos oficiais acadêmicos. Comportamentos considerados inadequados em sala de aula (como realizar ligações, checar e-mails, etc.) não serão tolerados. Comer, beber e fumar não será permitido durante período de aulas, assim como dentro das instituições parceiras a qualquer hora.

Estudantes terão a oportunidade de avaliar a qualidade das aulas assim como do material de ensino ao final de cada módulo, ajudando a aprimorar as atividades dos cursos de formação do CIDOC.

Pagamentos e condições

O valor pago na inscrição corresponde a todas as aulas nos módulos básicos ou intermediários e avançados, dependendo da escolha do interessado. Incluí-se, também, neste valor materiais de apoio, acesso às instalações do Centro Universitário Belas Artes e atividades extracurriculares. Acomodação, despesas individuais e relacionadas à viagem e transporte não estão inclusas.

Taxas de inscrição:

Opção 1 – Módulos básicos – ESGOTADO
R$ 400 (estudantes)
R$ 600 (membros do ICOM)
R$ 800 (outros profissionais e interessados / valor normal)

Opção 2 – Módulos intermediários e avançados – ESGOTADO
R$ 500 (estudantes)
R$ 700 (membros do ICOM)
R$ 1.000 (outros profissionais e interessados / valor normal)

AVISOS IMPORTANTES:

NÃO será oferecida a possibilidade de cursar módulos avulsos;

• As aulas da opção 1 (módulos básicos) e opção 2 (módulos intermediários e avançados) acontecem paralelamente (no mesmo horário), não sendo possível cursar as duas ao mesmo tempo. O aluno deve escolher apenas uma das opções oferecidas.

ANTES de efetuar o pagamento é obrigatório fazer a inscrição no site do SISEM-SP. O pagamento deverá ser realizado, de março a abril, a partir de boleto bancário gerado diretamente na loja virtual da Pinacoteca do Estado de São Paulo.

• O link para gerar o boleto bancário será encaminhado posteriormente para o endereço de e-mail cadasreado no formulário de inscrição.

Cancelamentos e política de reembolso

Em caso de cancelamento, as solicitações de devolução da taxa de inscrição deverão ser feitas por escrito; os pagamentos realizados podem ser devolvidos, com exceção de uma taxa de administração no valor de R$100,00.

Pedidos de cancelamento e reembolso só serão aceitos até o dia 30/04/2015.

Viagem

Os estudantes são responsáveis por planejar e arcar com os custos de viagem.
São Paulo é uma metrópole de 11 milhões de habitantes e o maior centro financeiro, de negócios e polo cultural da América do Sul. Maiores informações sobre a cidade podem ser encontradas no seguinte sítio eletrônico:
Prefeitura SP/Turismo

A cidade é servida por dois aeroportos. O Aeroporto Internacional de Guarulhos/Cumbica recebe voos internacionais e domésticos e o de Congonhas recebe voos domésticos:

Aeroporto Internacional de Guarulhos:
GRU

Aeroporto de Congonhas:
Aeroporto Congonhas

Para locomoção na cidade sugerimos o uso de transporte público:

Hospedagem
Sugestões de Hotéis em São Paulo

Tulip Inn Paulista Convention Flat
Rua Apeninos, 1070 – Paraíso
Tel. : 11 2627-3000
 
Rua Maestro Cardim, 407 – Paraíso
Tel.: 11 2853-7000
 
Rua Vergueiro, 1661 – Paraíso
Tel.: 11 5081-8400
 
 
Rua Sena Madureira, 1355, Bloco 1 – Ibirapuera
Tel.: 11 3201-0800
 
Rua Joinville, 515 – Vila Mariana
Tel.: 11 50884000
 
Rua Vergueiro, 1571 – Paraíso
Tel.: 11 5085-5699
 
Oca Hostel
Rua Manuel de Paiva, 147 – Vila Mariana
Tels.: 11 2364-8466 / 11 2364-8468
 
Uvaia Hostel
Rua Morgado de Mateus, 273 – Vila Mariana
Tel.: 11 2361-7456
 
Rua França Pinto, 978 – Vila Mariana
Tel.: 11 3294-2168
 

Local de realização do curso

O ocorrerá no endereço:
Unidade III Belas Artes – Rua José Antônio Coelho, nº 879
Vila Mariana – São Paulo / SP

 

Link para inscrições

Para efetuar sua inscrição, clique AQUI e preencha o formulário. As inscrições deverão ser realizadas até o dia 24/04/2015.

 

Régua de Logos CIDOC