Proximidade e troca de informações locais são diferenciais do EPMi Oeste

Representantes regionais do SISEM-SP participam ativamente da produção do evento

Uma das características mais marcantes do Encontro Paulista de Museus itinerante Oeste (EPMi Oeste), que será realizado no Sesc Bauru, nos dias 28 e 29 de agosto, é a intensa participação das Representações Regionais, compostas por voluntários eleitos junto aos profissionais de museus, com mandato de dois anos.

Realizado pelo Sistema Estadual de Museus (SISEM-SP), instância da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, em parceria com a ACAM Portinari, o EPMi Oeste – assim como os EPMis Nordeste (Ribeirão Preto), Campinas e Noroeste (Birigui) – teve toda articulação realizada junto aos profissionais das instituições museológicas da região. A programação do evento e a escolha de palestrantes também foi concebida com a participação dos parceiros locais do SISEM-SP, o que possibilita a troca de informações de forma mais regionalizada. Os interessados em participar do encontro têm até as 17h do dia 23 de agosto para se inscreverem pela plataforma ADA https://cem.sisemsp.org.br/.

“A maior vantagem do encontro itinerante é a proximidade com o público da região, porque nem sempre os profissionais dos museus locais e municipais conseguem ir a São Paulo por uma série de razões, seja financeira ou por falta de funcionários, pois é comum os museus não terem colaboradores suficientes para tomar conta da instituição e isso dificulta a participação de algum evento na Capital. A itinerância do encontro é importante porque dá voz às instituições e possibilita o acesso desses atuantes em museus locais e municipais participarem e mostrarem sua realidade. Essa questão de ajudarmos na seleção dos temas e dos palestrantes faz com que os assuntos a serem discutidos tragam à tona as necessidades reais que esses grupos de cada região encontram. Isso torna o encontro muito mais eficiente e eficaz nesse aspecto. Também é uma oportunidade de os representantes do SISEM-SP conhecerem nossas realidades e essa troca é totalmente positiva para todos” afirma Fábrio Grossi dos Santos, representante regional do SISEM-SP e diretor do Museu Municipal José Raphael Toscano, em Jaú.

Vanessa Martins Dias, representante regional do SISEM-SP e historiadora da Fundação Pró-Memória de São Carlos, destaca a participação das representações regionais na produção do evento e a acessibilidade do público-alvo como um dos diferenciais. “Quando um evento acontece em São Paulo, nós acompanhamos, ficamos por dentro do que é apresentado, mas não participamos. E o EPMi, por ser itinerante e da forma como é estruturado, possibilita uma participação bem efetiva. Tivemos uma troca muito boa durante esse processo de estruturação e produção do evento. O EPMi também interliga as instituições, pois conhecemos pessoas da região que, talvez, não conheceríamos se estivéssemos em um evento maior, na Capital”.

As inscrições para o EPMi Oeste e suas oficinas são gratuitas. Para garantir a sua vaga, é preciso acessar a plataforma do SISEM-SP (https://cem.sisemsp.org.br) – Saiba mais sobre o sistema de inscrição clicando aqui (https://sisemsp.org.br/conheca-o-novo-sistema-de-inscricao-para-as-atividades-do-sisem-sp/).