ProAC SP divulga os editais selecionados na área de museus

Ao todo, 16 projetos foram escolhidos, com premiação de R$ 840 mil

 

O Programa de Ação Cultural (ProAC), da Secretaria da Cultura do Estado, divulgou os 16 projetos de Difusão e de Preservação de Acervos Museológicos premiados este ano. Ao todo, serão disponibilizados R$ 840 mil. Lançados em 2012, os editais destinados aos museus já distribuíram, desde então, cerca de R$ 7 milhões à qualificação do segmento.

Neste ano, foram inscritos 112 projetos – 44 no edital de Difusão e 68 no de Preservação –, todos analisados por uma comissão de seleção formada por especialistas do setor, presidida pelo Grupo Técnico de Coordenação do Sistema Estadual de Museus (GTC SISEM-SP).

“Os editais do ProAC dão oportunidade para que museus de todo Estado se fortaleçam, obtendo suporte para o desenvolvimento de projetos, em especial a salvaguarda e comunicação de seus acervos”, observa o diretor do GTC SISEM-SP, Davidson Kaseker, presidente da Comissão de Seleção do ProAC na área de museus.

Os projetos selecionados contemplam museus de diferentes portes e distintos perfis institucionais, a grande maioria localizada no interior e litoral.  No Edital de Preservação de Acervos Museológicos (ProAC nº 18/2018), com prêmios de R$ 75 mil para cada um, foram selecionados oito projetos:

. Preservação museológica do acervo histórico e artístico do Museu Prudente de Moraes (Piracicaba);
. Para além da superfície: conservação de metais das coleções de etnologia africana do MAE/USP (São Paulo);
. Acervo em Movimento (Botucatu);
. Modernização do Acervo do Museu Histórico e Pedagógico Oswaldo Cruz (São Luís do Paraitinga);
. Inventário e documentação do acervo do Museu da Agricultura de Taubaté;
. Reserva Técnica para o Museu Histórico e Artístico de Cananeia “Victor Sadowski”;
. Projeto de preservação do acervo museológico do Convento de Nossa Senhora da Conceição de Itanhaém;
. Conservação e Restauração do acervo do Museu Histórico e de Ordem Geral Plinio Travassos dos Santos (Ribeirão Preto).

Para o edital em Difusão de Acervos Museológicos (ProAC nº 17/2018), cada selecionado receberá prêmio de R$ 30 mil. Confira os escolhidos.

. Adequação da exposição indígena do Museu Municipal de Jahu e elaboração de catálogo e material educativo (Jaú);
. Conexão Gráfica (Botucatu);
. Valorização de Patrimônios Culturais em saúde pública no interior paulista (Bauru);
. Exposição Permanente do Museu do Zé Pereira de São Bento de Sapucaí;
. Zequinha de Abreu: da Flor da Estrada ao Tico tico no Fubá (São Carlos);
. (Re)Descobrindo a Pina: Jogos em Ação educativa (São Bernardo do Campo);
. A arte do povo latino (São Paulo);
. Percursos e Memórias (São Paulo).

Outros cinco projetos de Difusão e oito de Preservação estão na suplência. Mais detalhes sobre todos os selecionados nos editais ProAC estão disponíveis AQUI (http://www.proac.sp.gov.br/proac-editais-editais-e-resultados/)

Fonte: SISEM-SP e ProAC