ProAC Museus e Arquivos: critérios e notas para a análise de projeto

Prazo de inscrições para o Programa de Ação Cultural termina no dia 16 de agosto

O Edital nº 13/2019 do Programa de Ação Cultural (ProAC) da Secretaria de Cultura e Economia Criativa de São Paulo está aberto para inscrições até o dia 16 de agosto, por meio do site  www.proac.sp.gov.br

Conheça os critérios e notas para análise de projeto do concurso, que é voltado para Museus e Arquivos Históricos com o intuito de apoiar projetos com foco na modernização de instituições, independente do porte e localização dentro do Estado.

O julgamento dos projetos será efetuado pela Comissão de Seleção, que avaliará a relevância, a qualidade, a viabilidade, o alcance e o impacto potencial de cada um, buscando um resultado compatível com o perfil das inscrições e a diversidade do panorama museal do Estado de São Paulo.

Serão considerados os seguintes critérios, com as respectivas pontuações:

a) Qualidade e relevância do projeto: 0 a 10 pontos.

b) Potencial de impacto no desenvolvimento da instituição e na formação de público: 0 a 10 pontos.

c) Qualificação dos profissionais envolvidos e caráter inovador: 0 a 10 pontos.

d) Compatibilidade orçamentária, viabilidade e adequação do cronograma: 0 a 10 pontos.

e) Potencial de alcance e acesso: 0 a 10 pontos.

As notas poderão ser fracionadas em 0,5 (meio) ponto.  A nota individual de cada membro da Comissão de Seleção será definida pelo cálculo da média aritmética das notas de todos os critérios e a nota do projeto será definida mediante o resultado da média aritmética das notas de ao menos dois membros da Comissão de Seleção.

Caso haja empate na totalização dos pontos dos projetos selecionados, a Comissão de Análise considerará a iniciativa que tenha apresentado maior pontuação nos critérios “a”  e “b”, respectivamente. Permanecendo o empate, o desempate beneficiará a iniciativa que apresentou o projeto com o valor menor e por sorteio, sucessivamente.

Recursos disponibilizados

O Edital tem R$ 2 milhões como valor total dos recurso. Desse valor, no mínimo, 50% são destinados a museus ou arquivos do interior e litoral de São Paulo. Os proponentes devem ser pessoas jurídicas com finalidade cultural e deverão estabelecer o valor do projeto que apresentarem, que deverá ser compatível com os custos estimados, sempre respeitado o teto de R$ 200 mil. Uma vez selecionado o projeto, os recursos serão disponibilizados de acordo com a solicitação do proponente.

Neste ano, as áreas de difusão e de preservação de acervos museológicos estão contempladas em um único edital.

Mais informações e inscrições: www.proac.sp.gov.br

SERVIÇO:

ProAC Modernização de Acervos de Museus e Arquivos

Inscrições até o dia 16 de agosto

Mais informações e inscrições: www.proac.sp.gov.br

Fonte: ProAC e SISEM-SP