ProAC Editais terá investimento de R$ 40 milhões da SEC em 2014

Logo-Proac-01

A Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo destinará R$ 40 milhões para o ProAC Editais em 2014 – R$ 10 milhões a mais do que no ano passado. O programa já tinha R$ 34 milhões garantidos no orçamento deste ano e o Governador Geraldo Alckmin autorizou a alocação de mais R$ 6 milhões. Com o aumento no volume dos recursos disponíveis, a Secretaria poderá, como resultado de diálogo com a classe artística, fortalecer editais já consolidados e criar novos, de forma a melhor atender a necessidade de apoio financeiro dos projetos culturais paulistas.

Dentre as necessidades já identificadas pela Secretaria estão o maior apoio a espaços independentes de criação e difusão cultural; o estabelecimento de um diálogo com coletivos de artistas no acesso aos editais, que passariam a contemplar também esta configuração contemporânea de grupo de criação; e o maior estímulo às produções oriundas do interior, litoral e grande São Paulo. Este ano está prevista a seleção de, pelo menos, 600 novos projetos nas mais diferentes linguagens e segmentos artísticos.

O ProAC – Programa de Ação Cultural – é uma das modalidades do mecanismo de incentivo à cultura do Governo paulista. Funciona por meio de processos seletivos, anunciados por meio de editais que especificam a linguagem artística e o produto cultural a que se destinam, bem como número de contemplados e valor para cada prêmio.

Os projetos inscritos são avaliados por comissões especializadas, que têm participação cada vez maior de profissionais oriundos do interior paulista. Os contemplados recebem o investimento diretamente do Estado e têm um prazo também predeterminado para realizar o projeto e prestar contas.

No ano passado, o ProAC Editais repassou recursos diretos para mais de 400 projetos aprovados, em áreas como culturas tradicionais, teatro, festivais de arte, dança, artes cênicas, audiovisual, LGBT, literatura, museus e artes visuais.

Estes pontos vêm sendo discutidos com a classe artística, com quem a Secretaria mantém diálogo aberto para o contínuo aprimoramento dos editais. Os editais de 2014 devem ser lançados entre junho e julho, começando pelos segmentos museus, festivais de arte, música e artes visuais.

Fonte: Secretaria da Cultura