ProAC: Editais para Arquivos Permanentes estão abertos até 28 de maio

Para diretor do SISEM-SP, está é uma oportunidade para conseguir recursos para os museus

O Programa de Ação Cultural (ProAC), da Secretaria da Cultura do Estado, abriu, pelo segundo ano consecutivo, os editais para projetos de Difusão e Acesso em Arquivos Permanentes e Gestão e Preservação em Arquivos Permanentes. As inscrições devem ser feitas até 28 de maio.

Cada um dos editais irá selecionar dois projetos, com premiação de R$ 50 mil para cada um deles e, pelo menos, metade dos selecionados deve ser composta por arquivos sediados fora da capital paulista. A partir deste ano, os editais de arquivos podem ter como proponentes pessoas físicas.

Muitos museus, em especial os de cidades menores, concentram em suas estruturas outras funções, entre elas, a de arquivo. Por isso, os editais do ProAC voltados para o setor também são de interesse das instituições museológicas. É o que afirma o diretor do Grupo Técnico de Coordenação do Sistema Estadual de Museus (SISEM-SP), Davidson Kaseker. “É mais uma oportunidade para que os museus angariem recursos para o desenvolvimento de projetos que necessitam de apoio financeiro”, comenta.

No site do ProAC (www.proac.sp.gov.br) é possível acompanhar a abertura, prazo de inscrição e demais detalhes de todos os editais. Serão, ao todo, 47 este ano, em 12 diferentes seguimentos.

Tira-dúvidas

No dia 7 de maio, a partir das 14h00, a Secretaria da Cultura do Estado realiza um novo encontro Tira-Dúvidas especialmente direcionado à elaboração de projetos do ProAC Editais.

O foco são os novos editais lançados, com dicas para quem fará a inscrição de seus projetos pela primeira vez. O encontro será no auditório da sede da Secretaria da Cultura do Estado (Rua Mauá, 51, 1º andar – Luz – São Paulo-SP).

Fonte: SISEM-SP e ProAC