Museu Índia Vanuíre leva mostra temporária a Garça (SP)

WAUJÁ 1964. Homens e meninos pintam-se com motivos de animais para o Javary
WAUJÁ, 1964. Homens e meninos pintam-se com motivos de animais para o Javary

 Produzida em parceria com o MAE/USP e itinerada pelo SISEM-SP, exposição reúne imagens do cotidiano de crianças feitas pelo etnógrafo e fotógrafo Harald Schultz

Garça (SP) sedia, a partir de 23 de outubro (quinta-feira), a exposição “Harald Schultz – Olhar Antropológico”. A mostra chega à cidade pelo Sistema Estadual de Museus (SISEM-SP), instância ligada à Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, em parceria com o Museu Índia Vanuíre, localizado em Tupã (SP), e a prefeitura.

Em cartaz no Museu Histórico e Pedagógico de Garça, a montagem reúne fotografias tiradas em expedições durante quase 30 anos, de 1909 a 1966, pelo antropólogo Harald Schultz. O material registra vários grupos indígenas e aspectos de seus cotidianos, como o universo mágico-religioso, a cosmologia, medicina e alimentação, entre outros.

Formada por imagens selecionadas a partir de uma coleção de mais de 1.100 slides do Museu de Arqueologia e Etnografia da Universidade de São Paulo (MAE/USP), a mostra tem como objetivo apresentar os hábitos de crianças de 12 etnias indígenas.

Com entrada gratuita, a exposição pode ser vista até 7 de dezembro (domingo), de segunda a sexta-feira, das 9h às 11h e das 13h às 16h, e em todo primeiro e segundo domingo do mês, das 14h as 18h. O Museu Histórico e Pedagógico de Garça está situado na Rua Julio Prestes, nº 322, no Centro. Outras informações pelos telefones (14) 3406-1971/3471-0210 ou no site www.sisemsp.org.br.

Serviço:
“Harald Schultz – um Olhar Antropológico” em Garça
Período: de 23/10 a 7/12/2014
Local: Museu Histórico e Pedagógico de Garça (Rua Julio Prestes, nº 322, Centro – Garça/SP)
Horário: de segunda a sexta-feira, das 9h às 11h e das 13h às 16h; todo primeiro e segundo domingo do mês, das 14h as 18h
Informações: (14) 3406-1971/3471-0210
Entrada: gratuita