II ESCUTA ATIVA PARTICIPATIVA DO PROJETO MULHERES TRANSFORMAM OS MUSEUS está disponível

O canal do SISEM-SP no Youtube já disponibiliza o vídeo do II Encontro de Escuta Ativa Participativa, módulo Brasil, do projeto Mulheres Transformam os Museus / Mujeres Cambian los Museos. Para acessar, clique aqui.

O encontro foi realizado em 22 de abril para ampliar a Escuta Ativa Participativa para o fortalecimento dos processos de mediação e envolvimento com os grupos/coletivos que cada museu participante do projeto pode envolver e, assim, participar da criação e produção de narrativas de memórias no formato de vídeo-cartas. Mais do que apresentar a narrativa de uma ação, foi proposto focar nas conquistas e desafios nos processos de educação social e comunitária. 

Clique aqui para acessar a apresentação do projeto Mulheres Transformam os Museus, com a criação de repositório on-line contendo textos, documentos e projetos , Banco de referências, Boas práticas e Vídeo-cartas. 

As apresentações de experiências de Escuta Ativa Participativa apresentadas nos encontros propostos pelo projeto Mulheres Transformam os Museus | Módulo Brasil, devem ser tomadas não como modelos, mas como base para discussão. A ação coletiva estimula tanto o fortalecimento de práticas de escuta ativa colaborativa, quanto a organização de referentes teórico-metodológicos, visibilização de práticas museais inovadoras e a realização de ações em torno da produção de narrativas da memória – vídeo-cartas, e o fortalecimento de redes.

O encontro foi organizado e coordenado por Mila Chiovatto e Gabriela Aidar (Pinacoteca de SP), Fernanda Castro (MHN – Museu Histórico Nacional), Lilian Amaral (Coordenadora Brasil – Mulheres Transformam os Museus / Diversitas USP). A atividade foi organizada em colaboração com a Pinacoteca de São Paulo / SECEC SP, Unidade de Preservação do Patrimônio Museológico (UPPM), Sistema Estadual de Museus de São Paulo (SISEM-SP), instância da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, e coordenada pelo DIVERSITAS USP.      

Participantes

Fernanda Castro – MHN – Museu Histórico Nacional – Educadora museal no Museu Histórico Nacional, historiado, doutora em educação. Lidera o Grupo de Pesquisa Educação Museal: conceitos, história e políticas. Professora colaboradora do Programa de Mestrado Profissional em Ensino de História da Unirio. Integra o Comitê gestor da Rede de Educadores em Museus do Brasil.

Áurea Pinheiro – Museu da Vila – Doutora em História pela Unicamp-SP e Pós-doutora em Ciências da Arte e do Patrimônio pala Universidade de Lisboa. Coordenadora do Programa de Pos-graduação em Artes, Patrimônio e Muselogia e do Museu da vila / Universidade Federal do Piauí e Universidade Federal do Delta do Parnaíba – Meio Norte do Brasil.

Samanta Coan – Muquifu ( Museu dos Quilombos e Favelas Urbanos) – Designer gráfico, pesquisadora e produtora cultural. Doutoranda em Ciência da Informação (UFMG), mestre em Design (UEMG), especialista em Design Experiencial (UFSC) e graduada em Design Gráfico. Co-fundadora do coletivo Lady’s Comics (2010-2018). Desde 2018, participa do NEPPaMCs – Núcleo de Estudos sobre Performance, Patrimônio e Mediações Culturais – da UFMG. Atualmente faz parte do coletivo Muquifu, gestor do Museu dos Quilombos e Favelas Urbanos (Muquifu); pesquisadora sobre performance, memória, cultura material, trabalho doméstico remunerado, curadoria de museus comunitários e métodos participativos de projetos culturais.

Lilian Amaral – Coordenação Brasil – Mulheres Transformam os Museus. Pós-Doutora em Arte, Ciência e Tecnologia pelo IA/UNESP e Pós-Doutora em Arte e Cultura Visual pela UFG/Universidade de Barcelona. Doutora em Artes pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP) e Universidade Complutense de Madrid. Integrante do MediaLab BR/UFG e DIVERSITAS USP. Diretora da Red Internacional de Educación Patrimonial Contexto Iberoamericano e da RIED – Rede Iberoamericana de Artes Digitales y Electrónicas. É artista multimídia, Pesquisadora, Curadora e Arte-educadora. Investiga o lugar da Arte no imaginário Urbano Contemporâneo. Líder do Grupo de Pesquisa Holos Ciudad http://www.espai214.org/holos/. Coordenadora Brasil Projeto intercontinental MUJERES CAMBIAN LOS MUSEOS. DE LA IGUALDAD A LA EQUIDAD – http://www.mujerescambianlosmuseos.com/

O projeto Mulheres Transformam os Museus / Mujeres Cambiam los Museos é uma iniciativa que reúne a Universidade de São Paulo, por meio do Diversitas USP, a Universidad Complutense de Madrid (ES) e a Universidade de Buenos Aires (AG), integrantes da União de Universidades Iberoamericanas.

Para dúvidas e mais informações, entre em contato com Profa. Dra. Lilian Amaral (Coordenadora Geral – Brasil) pelo lilianamaraln@gmail.com e/ou instituições parceiras.

Fonte: Projeto Mulheres Transformam os Museus