A comunicação dos espaços culturais e seus públicos foi tema de live do SISEM-SP no Instagram

Os espaços culturais estão conseguindo se comunicar com os públicos? Esta foi a temática da primeira live do Sistema Estadual de Museus de São Paulo (SISEM-SP), instância da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado, no Instagram, no dia 17 de setembro.

O bate-papo foi conduzido por Thaís Romão, do Grupo de Coordenação do SISEM-SP (GTC/SISEM-SP) e contou com a participação de André Fonseca, que atua nas áreas de comunicação, diversidade e gestão cultural. O profissional realiza mentorias, ações de formação e consultoria, auxiliando as pessoas a se conectarem e se comunicarem com seus públicos, sempre com um olhar inclusivo. Ao longo de 2019, ministrou oficinas aos participantes do Encontro Paulista de Museu itinerante (EPMi), realizado pelo SISEM-SP em seis macrorregiões do estado.

A diferença entre digitalizar ações presenciais e desenvolver ações culturais com pensamento digital; a necessidade urgente da inclusão dos grupos minorizados nos espaços culturais (e não somente nas programações); diversidade x inclusão e a necessidade de sair das zonas de conforto para estabelecer vínculos reais com os públicos foram alguns pontos abordados na conversa.

Fonte: SISEM-SP