2ª Roda de Conversa capacita profissionais da Rede de Museus Históricos e Pedagógicos

Com o intuito de dar continuidade às atividades de retomada da articulação entre o Sistema Estadual de Museus de São Paulo (SISEM-SP), instância da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado, e as instituições nascidas na Rede de Museus Históricos e Pedagógicos (MHPs), em 4 e 5 de novembro, foi realizada a 2ª Roda de Conversa com Museus Históricos e Pedagógicos, cujo tema foi o potencial de transformação da pesquisa museológica nesses tipos de museus.

O encontro registrou 40 participantes, sendo 18 deles profissionais de Museus Históricos e Pedagógicos. Ao todo, 11 MHPs foram representados, o que corresponde a 21,1% das instituições consideradas ativas pelo SISEM-SP, que organizou o evento virtual juntamente com a Organização Social de Cultura ACAM Portinari.

O evento abrangeu participantes não só do interior e capital de São Paulo, como também de outros estados e da Colômbia: Americana, Atibaia, Botucatu, Brodowski, Campinas, Campos do Jordão, Capivari, Carlinda (MT), Garça, Guariba, Guarulhos, Hortolândia, Itapira, Jaboticabal, Limoeiro do Norte (CE), Lorena, Medellín (Colômbia), Mococa, Mogi das Cruzes, Ouro Preto (MG), Paulínia, Piracuruca, Porto Feliz, Porto Ferreira, Rio Claro, Rio de Janeiro (RJ), São Bernardo do Campo, São José dos Campos, São Manuel, São Paulo, São Sebastião, Sapeaçu (BA), Socorro, Tupã e Vera Cruz.

Por meio da 2ª Roda, pretendeu-se fortalecer as instituições debatendo assuntos relevantes à qualificação de suas ações, incentivando a reflexão sobre a relevância da pesquisa em museus e sua primordialidade para o bom funcionamento da cadeia operatória museológica.

Também buscou-se alcançar outros propósitos adjacentes como capacitar os profissionais, apoiar a continuidade do processo de municipalização dos MHPs, entender suas demandas e, em especial, as temáticas sobre as quais o SISEM-SP deve construir futuras ações de formação e capacitação, além de reativar a articulação e incentivar a Rede.

Ao término das atividades dos dois dias de evento, os participantes foram convidados a responder uma pesquisa de avaliação. Além de outras questões, a pesquisa também pediu sugestões de temas a serem abordados na próxima Roda de Conversa, resultando em 42 temáticas sugeridas.

“A 2ª Roda de Conversa com MHPs nos proporcionou observar a relevância que a temática escolhida tem aos novos gestores destas instituições museológicas e sua necessidade no aprofundamento de metodologias possíveis, alinhadas à sua realidade institucional, para o desenvolvimento de pesquisa em seus acervos”, comenta Davidson Kaseker, diretor do Grupo Técnico de Coordenação do SISEM-SP (GTC/SISEM-SP).

Uma das participações que chamou bastante a atenção dos presentes foi a fala do professor Paulo César Garcez Marins (Universidade de São Paulo), que buscou aproximar seu dia a dia de pesquisa no Museu Paulista ao cotidiano dos profissionais de museus de pequeno porte, ressaltando a extrema necessidade de se construir parcerias para a realização de pesquisas em acervos museológicos.

Dando continuidade às ações de apoio técnico aos Museus Históricos e Pedagógicos, para 2022, prevê-se a realização de capacitações on-line especificamente desenhadas para os funcionários dos MHPs.

O evento

A 2ª Roda de Conversa com Museus Históricos e Pedagógicos teve a participação do professor Paulo César Garcez Marins (Universidade de São Paulo), Paula Paiva Ferreira (Coordenadora da Unidade de Preservação do Patrimônio Museológico – UPPM/SEC), Davidson Kaseker (Diretor do Grupo Técnico de Coordenação do Sistema Estadual de Museus de São Paulo – GTC/SISEM-SP), Angelica Fabbri (Diretora-executiva da Organização Social de Cultura ACAM Portinari) e Cláudia Ribeiro (Diretora do Museu Histórico e Pedagógico Major Novaes).

Também participaram os membros da Equipe Técnica ACAM Portinari de Apoio ao SISEM-SP, Ana Carolina Xavier, Michael Argento e Otávio Balaguer.

O público-alvo foram os responsáveis diretos pela gestão de instituições nascidas na Rede de MHPs, integrantes das equipes de trabalho dessas instituições e pesquisadores de instituições correlatas aos Museus Históricos e Pedagógicos. Em virtude da alta procura advinda de profissionais externos à Rede para participação no primeiro encontro, as inscrições também foram abertas a todas as pessoas interessadas em participar. 

Fonte: SISEM-SP