Cadastro Estadual de Museus é tema de reunião em Marília

Encontro ocorre dia 20 de setembro, das 09h00 às 12h00, na Biblioteca Municipal de Marília

Encontro na Biblioteca Municipal de Marília reúne museus da região

Apresentar a importância da adesão dos museus de Marília e região ao Cadastro Estadual de Museus (CEM-SP) é o principal assunto de reunião entre representantes de instituições museológicas da região e a diretoria do Sistema Estadual de Museus (SISEM-SP), da Secretaria da Cultura do Estado, que acontece dia 20 de setembro, das 09h00 às 12h00, na Biblioteca Municipal de Marília.

Aberto a todo o Estado em junho deste ano, o CEM-SP estabelece os critérios para identificar quais instituições podem, de fato, ser classificadas como museus, tendo como base três eixos: Gestão e Governança, Salvaguarda de Acervos e Comunicação e Serviços ao Público.

“O Cadastro agora é a ferramenta que serve como base para a sistematização de informações relacionadas ao setor museológico paulista. Fomento de políticas públicas, repasse de verbas, exposições itinerantes, entre outros serviços, terão o CEM-SP como orientador das ações”, revelou o diretor do Grupo Técnico de Coordenação do SISEM-SP, Davidson Kaseker, que comandará a reunião em Marília.

O diretor frisa ainda que, independentemente do porte, é importante que todos os museus busquem aderir ao CEM-SP. “O Cadastro também possibilita que o museu entre em contato com sua própria realidade estrutural, receba visita de diagnóstico e orientação técnica, o que equivale a uma consultoria especializada.”

Em 2010, ano do último levantamento do setor realizado nos 51 municípios da Região Administrativa de Marília, foram listados 25 museus – número que certamente será atualizado com o CEM-SP.

Na região, até o momento, quatro instituições inscreveram-se no Cadastro: Memorial RB, de Assis; Museu Shunji Nishimura, de Pompeia; Ponto de Cultura, Memória e Arte, de Oscar Bressane; e o Museu e Arquivo Histórico Jornalista José Jorge Júnior, em Paraguaçu Paulista. O museu paraguaçuense, inclusive, já recebeu visita técnica do SISEM-SP para aferição das informações apresentadas no CEM-SP.

Para o secretário da Cultura de Marília, André Gomes Pereira, que estará presente no encontro, o Cadastro é de total importância aos museus do município e região. “Além de nos integrarmos ao SISEM-SP, pelo Cadastro irão passar as políticas de fomento, formação e encontros dos museus”. O secretário acrescenta que estreitar o diálogo entre os museus e levantar discussões em âmbito estadual também são vantagens do CEM-SP.

Serviço

Reunião da Representação Regional do SISEM-SP em Marília
Local: Biblioteca Municipal de Marília
Endereço: Rua São Luiz, 1295, Centro
Dia: 20 de setembro (quarta-feira)
Horário: 09h00 às 12h00
Informações: (11) 3339-8208

Fonte: SISEM-SP / SEC