Victor Octaviano apresenta aquarelas inéditas na OMA | Galeria

coragem

Victor Octaviano apresenta aquarelas inéditas na OMA | GaleriaReconhecido por criar a “tatuagem em aquarela”, artista expõe obras que revelam seu lado oculto

A OMA | Galeria até 21 de março apresenta a exposição “Victor Octaviano: O Pássaro Azul”, de autoria do artista homônimo, reconhecido dentro e fora do Brasil como criador da “tatuagem em aquarela”. A entrada é Catraca Livre.

O que nem todos conhecem é o seu lado de pintura livre com a técnica que exportou para a pele. É exatamente esse “segredo” que ele quer mostrar com seis imagens em aquarela inéditas.

“É uma oportunidade única para seus milhares de seguidores e admiradores de seu trabalho”, revela Thomaz Pacheco, galerista do espaço. Segundo ele, muito do que se vê nas obras expostas está baseado no famoso poema “O Pássaro Azul”, de Charles Bukowski. “Ao analisar profundamente cada imagem, é possível encontrar um pássaro azul que vive no peito do artista, seja ele representado pelo medos, inseguranças ou outros sentimentos escondidos, mas que nunca saberemos quais são”, antecipa.

Embora não sejam explícitos de quais pássaros azuis Victor Octaviano está falando em suas obras, é perceptível a potencialização que ele busca, sobretudo pela utilização da aquarela e de seus traços fluídos, sob efeito da água, que, incessante e ‘habilidosa’, é capaz de revelar os mais profundos segredos. “As obras do artista são muito diferentes do que a maioria das pessoas já viu em seus outros trabalhos. Nessa mostra, estão visíveis a sensibilidade, histórias e amores de um menino outrora franzino, oprimido, que passa agora a ser opressor do pássaro azul, que o assusta, mas que fica preso, até o momento de se expressar nessas imagens”, finaliza Pacheco.

Fonte: Catraca Livre