V Encontro Internacional de Ecomuseus e Museus Comunitários – V EIEMC

03360b b28d3f4b38fa48e686a4e2a976c60e11.png srz p 533 292 75 22 0.50 1.20 0.00 png srz

É com grande satisfação que comunicamos a realização do V Encontro Internacional de Ecomuseus e Museus Comunitários – V EIEMC, através da Universidade Federal de Juiz de Fora – UFJF / Pró-Reitoria de Extensão – Proex / Laboratório de Patrimônios Culturais – LAPA, juntamente com a Associação Brasileira de Ecomuseus e Museus Comunitários – ABREMC, em parceria com diversas instituições do Brasil e do exterior, como o Conselho Internacional de Monumentos e Sítios – ICOMOS; o Ministério da Cultura – MinC / Instituto Brasileiro de Museus – IBRAM e a Secretaria do Estado de Cultura de Minas Gerais / Superintendência Estadual de Museus e Artes Visuais – SUMAV; além de quatro ecomuseus mineiros (Cipó; Kizomba Namata; Carste e Serra de Ouro Preto) que colaboram na organização deste grande evento.

O Encontro será realizado em Juiz de Fora – Minas Gerais – Brasil, de 14 a 17 de outubro de 2015, nas dependências do Instituto de Ciências Humanas da Universidade Federal de Juiz de Fora. Hugues de Varine, considerado uma das principais referências internacionais na área, reforça o nosso convite.

Uma programação bem diversa e de caráter híbrido – acadêmico e comunitário – está sendo preparada com o objetivo de promover trocas entre pesquisas e experiências, conhecimentos científicos e saberes populares.

Com este propósito, atividades já tradicionais nos eventos universitários (conferências, mesas-redondas, comunicações, pôsteres…) ganham nomes e dinâmicas especiais no V EIEMC (prosas, balaios, conversês, estandartes…) por expressar a identidade mineira e o intuito dos seus anfitriões em interagir com a comunidade em diálogo com estudantes, pesquisadores, professores, gestores entre outros profissionais que se dedicam à cultura e à memória, especialmente por meio de projetos museológicos impulsionados por iniciativas de base comunitária.

A diretora do Departamento de Processos Museais do Instituto Brasileiro de Museus (DPMUS/Ibram), Manuelina Duarte; o antropólogo José Jorge de Carvalho (UNB – Brasil); a coordenadora e fundadora do Museu da Maré, Cláudia Rose Ribeiro da Silva; o museólogo Mário Chagas (UniRio) e os internacionais Teresa Morales Lersh (UMCO / INAH – México) e Alberto Garlandini (ICOM – Itália) já estão confirmados para palestrar no V EIEMC.

O evento também irá oferecer mini-cursos e oficinas, bem como espaço para apresentações artísticas, lançamentos de livros temáticos, exibição de vídeos, atividades infantis, feira e vivências. Durante o V EIEMC acontecerá, ainda, o Encontro Regional dos Pontos de Memória de Minas Gerais, promovido pelo Programa do Ministério da Cultura / Instituto Brasileiro de Museus – IBRAM. A programação completa será divulgada em breve.
O tema central que guiará as atividades do Encontro é “Iniciativas museológicas comunitárias: construindo caminhos para o bem-viver”. Em torno dele, outros três eixos temáticos irão direcionar e provocar as reflexões e as propostas que serão registradas na “Carta de Recomendações do V EIEMC”, a qual será publicada e encaminhada aos órgãos internacionais competentes.

Por sua abrangência, espera-se contar com participantes de vários estados brasileiros e, também, diversos países, onde os ecomuseus, museus de território, museus de percurso, museus vivos, museus de periferia e outros processos de museologia participativa inauguram experiências que merecem ser compartilhadas, analisadas, revisadas ou multiplicadas tendo em vista seu potencial para o desenvolvimento local e para a sustentabilidade do patrimônio cultural, em seus múltiplos sentidos (afetivo, histórico, artístico, econômico).

Fonte:Eeiemc2015