ÚLTIMOS DIAS DE INSCRIÇÕES PARA O 33º PRÊMIO DESIGN DO MUSEU DA CASA BRASILEIRA

Os interessados em participar do 33º Prêmio Design do Museu da Casa Brasileira (MCB) têm até o dia 3 de julho para se inscrever nas categorias Produtos (Construção, Eletroeletrônicos, Iluminação, Mobiliário, Têxteis, Transportes, Utensílios) e/ou Trabalhos Escritos (Publicados e Não Publicados) poderão se inscrever até o dia 03 de julho pelo site da instituição.

A premiação é realizada desde 1986 e tem como objetivo principal reconhecer a excelência do design brasileiro, valorizar a atuação dos profissionais e, consequentemente, incentivar e fortalecer a área.

Para avaliar os trabalhos, o Prêmio Design contará com duas comissões julgadoras. Na categoria Produtos, pelo segundo ano consecutivo, a coordenação será de Levi Girardi, designer formado pela FAAP-SP, CEO e sócio-fundador do estúdio de design e inovação Questtonó, com unidades em São Paulo, Rio de Janeiro e Nova York. A avaliação se dará em duas fases: na primeira, os concorrentes devem enviar pelo sistema de inscrição as imagens dos projetos, memorial descritivo e detalhamento técnico. Os selecionados pela comissão julgadora deverão entregar para a segunda fase um exemplar físico para análise, sendo que este ano, só poderão ser inscritos projetos desenvolvidos nos últimos cinco anos.

Para coordenar a categoria Trabalhos Escritos, cujo tema central é ligado ao campo do design, este ano, o Prêmio receberá Teresa Riccetti, docente e pesquisadora da Universidade Presbiteriana Mackenzie, no curso Design e doutora em Ciências pela UNIFESP, mestre em Arquitetura e Urbanismo pela FAU-USP e, no período de 1990/91, membro da equipe de designers do Laboratório Brasileiro de Design – LBDI/CNPq (Florianópolis-SC). É vice-líder do grupo de pesquisa: Design, Teoria e Projeto; atua na área do design de produtos com ênfase no mobiliário e paisagem doméstica.

Os Trabalhos Escritos serão avaliados em uma única fase: após a leitura criteriosa de cada um, os jurados se reunirão para discutir e avaliação final. A modalidade de Trabalhos Escritos Publicados analisará obras em formato livro impresso, em primeira edição, nos últimos três anos, obrigatoriamente com ISBN e Ficha Catalográfica presentes na publicação, cujos direitos autorais pertençam ao participante ou que possuam devida autorização. Já em Trabalhos Escritos Não Publicados considerará trabalhos de pós-graduação stricto sensu (dissertações, teses e livre-docência) apresentadas nos últimos três anos.

Inscrições
O regulamento está disponível no site do MCB e as inscrições deverão ser feitas até o dia 03 de julho pelo http://premiodesign.mcb.org.br/login. O participante poderá concorrer em quantas categorias desejar, com diferentes trabalhos, e a autoria dos projetos pode ser individual ou em grupo de até 15 pessoas. A taxa de inscrição é R$ 91 – com desconto de 50% para estudantes e Amigos do MCB e 20% para anunciantes e leitores da Revista L+D e associados da Abedesign.

Resultado e premiação
O resultado do concurso será divulgado no dia 23 de outubro. O primeiro lugar de cada categoria de Produtos e de Trabalhos Escritos Publicados será premiado com o valor bruto de R$ 6 mil e o vencedor na modalidade de Trabalhos Não Publicados receberá o valor bruto de R$ 2 mil. Além dos vencedores, premiados e menções honrosas, participarão da exposição do 33º Prêmio Design MCB outros trabalhos selecionados pelo júri, a peça vencedora do Concurso do Cartaz, os dois segundo lugares e 43 cartazes selecionados pelo júri no Concurso do Cartaz, realizado em abril. A exposição abrirá no dia 23 de novembro de 2019, com visitação até 02 fevereiro de 2020.

SERVIÇO:
33º Prêmio Design MCB

Inscrições: até 03 de julho pelo site www.mcb.org.br
Taxa de inscrição: R$ 91. Desconto de 50% para estudantes e Amigos do MCB e 20% para parceiros.
Resultado: pelo site www.mcb.org.br
Realização: Museu da Casa Brasileira, com apoio do Senac SP, Abedesign, Revista L+D

Fonte: Museu da Casa Brasileira