Teatro Municipal de Araraquara inicia exposição de fotos ‘Terras de Zumbi’

Tema celebra o mês da Consciência Negra, relembrando lutas sociais. Entrada é de graça com visitação das 8h às 17h, de segunda à sexta-feira.

 
A exposição foto-poética “Terras de Zumbi” foi aberta ao público nesta terça-feira (6) e segue até o dia 22 de novembro, no Teatro Municipal de Araraquara (SP). A entrada é gratuita com horário de visitação de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h e das 13h às 17h.
 Exposição “Terra dos Zumbis” está aberta para visitação a partir desta terça em Araraquara (Foto: Divulgação)
 
 
“Terras de Zumbi” apresenta o fotógrafo Sêrgio Sabará Figueira, criador do Projeto Negritude, em parceria com o escritor Eduardo Waack. A exposição, que faz referência ao mês da Consciência Negra, relembra a luta social-evolutiva de Zumbi dos Palmares para que as pessoas tenham a oportunidade de entender parte desta história.
 
Exposição apresenta parceria entre fotógrafo Sêrgio Sabará e escritor Eduardo Waack (Foto: Divulgação)
 
Entre os destaques estão a Serra da Barriga e o Morro dos Macacos, localizados entre os estados de Pernambuco e Alagoas, suas paisagens e os descendentes quilombolas. Como os outros trabalhos da dupla Figueira e Waack, este partiu da atenta observação in loco do tema abordado, da intensa pesquisa arqueológica e busca por documentos plausíveis, além dos inúmeros diálogos travados com os habitantes do local.
 
Eduardo Waack visitou o local em 1987, quando divulgava pelo nordeste brasileiro o seu livro de poemas “Canções do Front”. Sérgio Sabará chegou a União dos Palmares em abril de 2007 para uma visita de intercâmbio cultural. Lá, fotografou, interagiu e fez amigos, comprovando e registrando o cotidiano de luta das comunidades remanescentes para preservarem suas tradições, fugir da miséria, progredir economicamente, seguir cuidando da terra e não se esquecer da sua história e sua valia.
 
 
Serviço
Exposição foto-poética “Terras de Zumbi”
Local: Teatro Municipal de Araraquara
Endereço: Avenida Bento de Abreu – Praça Lívio Abramo – Fonte Luminosa
Período: de 6 e 22 de novembro
Horário de visitação: de segunda à sexta-feira, das 8h às 11h, e das 13h às 17h
Entrada gratuita