Salão Internacional de Humor de Piracicaba visita Campinas

f5196f27b253e6e53f4229811cf53c0f
Crédito: Divulgação/Salão Internacional de Humor em Campinas

O Salão Internacional de Humor de Piracicaba surgiu em 1974, em meio a ditadura militar, como uma iniciativa corajosa de um grupo de piracicabanos – jornalistas, artistas e intelectuais atuantes no cenário político e cultural da cidade. A partir do sucesso das primeiras edições que
contou com o apoio da turma do jornal carioca “O Pasquim”, conhecidos cartunistas brasileiros contribuíram para a transformação do Salão de Humor de Piracicaba num dos mais conhecidos encontros do humor gráfico no Brasil e no exterior.

Considerado um dos concursos mais antigos do gênero no mundo, se mantém como importante espaço de reflexão e fruição da arte através da valorização do cartum, da caricatura, da charge e das tiras/HQ.

A edição 2015 do 42o Salão Internacional de Humor de Piracicaba acontece entre 22 de agosto (abertura) e 04 de outubro (encerramento) no Parque Engenho Central. Artistas do mundo todo – amadores ou profissionais podem se inscrever e concorrer aos prêmios no valor geral de cerca de R$
52.000,00 (cinquenta e dois mil reais).

O Salão Internacional de Humor de Piracicaba CEDHU/Piracicaba e seu Coordenador e Cartunista EDU GROSSO, vem realizando um trabalho de ampla divulgação e itinerância de suas exposições, através de reproduções dos trabalhos premiados e neste contexto, realizou uma parceria com a Secretaria Municipal de Cultura, através da Coordenadoria de Extensão Cultural. Esta parceria resultou na vinda de 5 mostras para espaços que foram especialmente estudados por se adequarem perfeitamente a cada uma delas. São eles:

1. MACC – MUSEU DE ARTE CONTEMPORÂNEA DE CAMPINAS “JOSÉ PANCETTI”
30 MOMENTOS DO HUMOR GRÁFICO BRASILEIRO DO SÉCULO XIX
Um panorama histórico da trajetória dos principais precursores das artes gráficas e caricaturistas do século XIX e das principais publicações do humor gráfico brasileiro. Pesquisa e organização de Luciano Magno, autor do livro ‘HISTÓRIA DA CARICATURA BRASILEIRA – Os precursores e consolidação no Brasil’.

O CAVALEIRO DA TRISTE FIGURA
Conjunto de 36 Pranchas de desenhos sobre o personagem de Cervantes Dom Quixote e suas mirabolantes aventuras, apresentados pela Universidade de Alcalá/Espanha com cartunistas do mundo todo no 32o Salão Internacional de Humor de Piracicaba/2005. Do alto dos seus mais de 400 anos Quixote se mantém atual e se adapta as mais variadas situações nas mãos de grandes cartunistas do mundo todo.

2. TEATRO MUNICIPAL “JOSÉ DE CASTRO MENDES”: HALL e MEZANINO
CHICO ANYSIO, DANDO A CARA A TRAÇO
Mostra de 60 caricaturas dos inesquecíveis personagens criados para a TV do cearense Francisco Anysio de Oliveira Paula Filho ou simplesmente Chico Anysio (1931/2012), realizadas por grandes cartunistas brasileiros, incluindo dois grandes artistas locais: Dalcio Machado e Paulo Branco, com Curadoria de Rick Goodwin.

3. BIBLIOTECA PÚBLICA MUNICIPAL “PROF. ERNESTO MANOEL ZINK”
TIRAS E HQs DO SALÃO DE HUMOR DE PIRACICABA
Seleção de 20 Pranchas com as melhores tiras e histórias em quadrinhos apresentadas nas edições 2012/2013 do Salão Internacional de Humor de Piracicaba. HQs são estórias contadas em sequências de imagens (quadros). Muitos destes elementos são encontrados em outras artes como o cinema, a literatura e outras mídias. Dependendo de como são feitas podem ser chamadas de tiras. As tiras são
sequências menores e usadas geralmente nos jornais.

4. MUSEU DA IMAGEM E DO SOM
UM CERTO HUMOR UCRANIANO
Seleção de 48 Pranchas de desenhos, organizados pelo cartunista Vladimir Kazanevsky (Ucrânia) que apresenta uma seleção de grandes cartunistas da Ucrânia, exímios desenhistas e pensadores das questões e desafios humanos.

Serviço
O quê: SALÃO INTERNACIONAL DE HUMOR DE PIRACICABA VISITA CAMPINAS
Quando: 29 de maio à 26 de junho
Onde: MACC – Museu de arte contemporânea de Campinas “JOSÉ PANCETTI”
Rua Benjamim Constant, 1633, Centro – Campinas-SP
MIS – Museu da Imagem e Som/Palácio dos Azulejos- Rua Regente Feijó, 859, Centro
Campinas
TEATRO MUNICIPAL “JOSÉ DE CASTRO MENDES”
Praça Correa de Lemos, s/n° – Vila Industrial
BIBLIOTECA PÚBLICA MUNICIPAL “PROF. ERNESTO MANOEL ZINK”
Avenida Benjamin Constant, nº 1.633 – Centro – CEP 13010-142 

e72588799479fe13d7594704d5a2e5e6Exposição fica em cartaz até 26 de junho