Passagens Passeios, de Caio Kenji, integra o programa Nova Fotografia 2016 em setembro

1.novafotografia

 

Passagens Passeios busca, pela exposição de cenas aparentemente comuns de turismo, lazer e diversões de final de semana, provocar a produção e o pensamento acerca da fotografia, em seus supostos e discutíveis limites.

As narrativas catalisadas pelas cenas impressas emergem principalmente da direção dos olhares, dos gestuais e das movimentações sugeridas pelas personagens registradas. As estranhezas que podem habitar cenários aparentemente normais e corriqueiros são extraídas na fuga da mera representação de um registro realista: uma pausa para um lanche em família, cercada pelas lápides de um cemitério; a imprevisível dança gravada em plena praça; o vestido de noiva enigmaticamente paralisado no ar; dentre outras enigmáticas cenas.

A opção pela não utilização de efeitos ou filtros, na captura direta das imagens, garante uma espécie de contrato com o registro fidedigno, sem que isto anule a capacidade imaginativa; ao contrário, potencializando-a pela sugestão de novos sentidos que escapam de signos óbvios, saturados ou viciados. Apesar de poderem ser pensadas e reunidas com coerência dentro de um mesmo conjunto, cada uma das 17 fotografias componentes de Passagens Passeios possui individualmente uma carga de autonomia, construindo como que pequenos microcosmos, prontos para serem desbravados por visões alheias.

A abertura da exposição acontece no dia 8 de setembro, quinta-feira, às 19h, com entrada gratuita. A mostra segue em cartaz até o dia 23 de outubro, no espaço Nicho do Museu.

Sobre o artista
Caio Kenji nasceu em 14 de julho de 1986, em São Paulo (SP), e se graduou em jornalismo pela Universidade Metodista em 2007. Em 2004, trabalhou como fotógrafo freelancer para sites e revistas, assim como para a publicação de bairro Rudge Ramos Jornal (São Bernardo). Em 2006, integrou a equipe da revista Made in Japan, para a qual fotografou, com enfoque jornalístico, diferentes aspectos da cultura japonesa no Brasil. Em 2010, focou seu trabalho na fotografia de estúdio por um período de aprimoramento de suas técnicas de iluminação, fotografia de moda e still. Em 2011, começou a trabalhar como freelancer para os portais de internet Globo.com e G1, e em 2012 começou a colaborar com os jornais Folha de S. Paulo e Agora São Paulo e desenvolver ensaios autorais.

Sobre o programa Nova Fotografia
Criado em 2011, o Nova Fotografia é um projeto anual do Museu da Imagem e do Som, instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, que busca criar um espaço permanente para exposição de fotografias de artistas promissores que se distinguem pela qualidade e inovação do seu trabalho. A cada ano, seis séries de imagens são escolhidas por meio de convocatória e expostas no Museu.

Serviço

NOVA FOTOGRAFIA | Passagens Passeios de Caio Kenji
Abertura 8 de setembro, às 19h
Data 09 de setembro a 23 de outubro de 2016
Local Museu da Imagem e do Som | MIS-SP – Espaço Nicho
Av. Europa, 158 – Jardim Europa  – São Paul/SP
Horário terça a sexta das 10h às 21h, sábados das 10h às 22h; domingos e feriados das 11h às 21h
Ingresso gratuito
Classificação livre
 
 
 
Fonte: Museu da Imagem e do Som | MIS-SP
Foto: Caio Kenji