Oficinas Culturais promovem Ciclo de Gestão Cultural no interior de São Paulo

Presidente Prudente, Pereira Barreto e Birigui receberão a série de atividades gratuitas, que discutirá mercado cultural com profissionais da área

Mentoria, políticas públicas, planejamento, elaboração, comunicação, captação de recursos e avaliação de projetos culturais são alguns dos temas abordados pelo Ciclo de Gestão Cultural, que integra as atividades das Oficinas Culturais, programa da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerenciado pela Poiesis.

Realizado em parceria com as Prefeituras de Presidente Prudente, Pereira Barreto e Birigui, em junho, o Ciclo levará nomes como Ana Carla Fonseca, Cris Olivieri, Daniele Torres, Inti Queiroz e Thiago Saraiva.

Confira a programação de cada cidade e se inscreva:

PRESIDENTE PRUDENTE

28/6 – sexta-feira

Sala de Cinema – Centro Cultural Matarazzo (Rua Quintino Bocaiúva, 749, Vila Marcondes)

ENCONTRO DE GESTORES CULTURAIS

9h às 10h | Conversa Gestão Pública e Cultura, com Thiago Saraiva

Em diálogo com dirigentes culturais municipais, a partir do modelo e atuação do Programa Oficinas Culturais, Thiago Saraiva trata da importância da constante formulação e manutenção de políticas públicas de vivência e formação na área da cultura, refletindo sobre seus possíveis resultados e impactos socioculturais.

10h às 12h | Palestra Panorama da Economia Criativa, com Ana Carla Fonseca

Ana Carla Fonseca apresenta as bases da economia da cultura e a relação desta com o desenvolvimento de uma governança compartilhada, na qual ganham terreno políticas públicas arejadas, cidadãos ativos e empresas que compreendem a importância de valorizar a inovação. Traçando um panorama que passa por cultura, conexões e tecnologia, reflete sobre futuro do trabalho, cidades e territórios criativos, por meio de casos reais do Brasil e do mundo.

14h às 16h | Palestra Direito, Arte e Liberdade, com Cris Olivieri

Qual o limite da arte? Qual o papel das instituições e órgãos públicos vinculados à cultura? Como aplicar a classificação etária de exposições e espaços culturais? Cris Olivieri conversa sobre a necessidade de garantir que todos possam ser incluídos com seus pensamentos e atitudes, respeitando a liberdade de expressão e o direito do outro de se manifestar culturalmente.

60 vagas

Inscrições até 26 de junho

Seleção: primeiros inscritos

Para se inscrever, clique aqui:  https://bit.ly/2E8yYRT 

PEREIRA BARRETO

29/6 – sábado

Faculdades Integradas Urubupungá – FIU (Avenida Cel. Jonas Alves de Mello, 1660)

9h às 10h | Palestra Sustentabilidade e Gestão de Negócios Culturais, com Daniele Torres

Um dos principais desafios na economia da cultura é desenvolver uma visão empreendedora que permita a construção de ações mais sustentáveis, unindo propostas artísticas e culturais potentes a uma visão de negócios adequada. Nesta palestra, serão discutidos quais perfis e habilidades são necessários para um empreendimento criativo, considerando posicionamento e diferencial de mercado no contexto atual.

30 vagas | Inscrições até 26 de junho

Seleção: primeiros inscritos

Para se inscrever, clique aqui: https://bit.ly/2JHF6nN 

10h às 12h30 e 14h às 18h | Workshop BR-SP: Presente e Futuro de Políticas Públicas de Cultura, com Inti Queiroz

Inti Queiroz reflete sobre o atual contexto da Cultura no Brasil e no Estado de São Paulo. Por meio da abordagem de um amplo panorama, apresenta histórico, perspectivas, programas, leis de incentivo, editais e tendências sobre políticas culturais estruturantes.

30 vagas | Inscrições até 26 de junho

Seleção: primeiros inscritos

Para se inscrever, clique aqui: https://bit.ly/2JHF6nN 

10h às 12h30 e 14h às 18h | Mentoria de Projetos Culturais, com Daniele Torres

A partir da imersão no projeto do realizador cultural selecionado, a mentoria tem como objetivo analisar as principais questões que impactam seu negócio criativo, como qual a demanda ou oportunidade que justifica a ação, a proposta de valor e o público-alvo, oferecendo soluções práticas e buscando identificar produtos e serviços que possam trazer maior sustentabilidade para a ação.

5 vagas | Inscrições até 25 de junho

Seleção: análise da ficha de inscrição

Para se inscrever, clique aqui: https://bit.ly/2JnhZzp

BIRIGUI

30/6 – domingo

CEU das Artes de Birigui (Avenida João Cernach, Cidade Jardim – esquina com a Rua das Tulipas)

9h às 10h | Palestra Sustentabilidade e Gestão de Negócios Culturais, com Daniele Torres

Um dos principais desafios na economia da cultura é desenvolver uma visão empreendedora que permita a construção de ações mais sustentáveis, unindo propostas artísticas e culturais potentes a uma visão de negócios adequada. Nesta palestra, serão discutidos quais perfis e habilidades são necessários para um empreendimento criativo, considerando posicionamento e diferencial de mercado no contexto atual.

30 vagas | Inscrições até 26 de junho

Seleção: primeiros inscritos

Para se inscrever, clique aqui: https://bit.ly/2VA4UJL 

10h às 12h30 e 14h às 18h | Workshop BR-SP: Presente e Futuro de Políticas Públicas de Cultura, com Inti Queiroz

Inti Queiroz reflete sobre o atual contexto da Cultura no Brasil e no Estado de São Paulo. Por meio da abordagem de um amplo panorama, apresenta histórico, perspectivas, programas, leis de incentivo, editais e tendências sobre políticas culturais estruturantes.

30 vagas | Inscrições até 26 de junho

Seleção: primeiros inscritos

Para se inscrever, clique aqui: https://bit.ly/2VA4UJL 

10h às 12h30 e 14h às 18h | Mentoria de Projetos Culturais, com Daniele Torres

A partir da imersão no projeto do realizador cultural selecionado, a mentoria tem como objetivo analisar as principais questões que impactam seu negócio criativo, como qual a demanda ou oportunidade que justifica a ação, a proposta de valor e o público-alvo, oferecendo soluções práticas e buscando identificar produtos e serviços que possam trazer maior sustentabilidade para a ação.

5 vagas | Inscrições até 25/6

Seleção: análise da ficha de inscrição

Para se inscrever, clique aqui: https://bit.ly/2Q9pomM 

Profissionais:

Ana Carla Fonseca, apontada pelo jornal El País Brasil como uma das oito personalidades brasileiras que impressionam o mundo, é Administradora Pública (FGV), Economista, Doutora em Urbanismo (USP) e consultora e palestrante em mais de 200 cidades de 31 países. Diretora da Garimpo de Soluções, é assessora para a ONU e membro convidado do Corpo Mundial de Peritos da UNESCO em Diversidade. Escreveu “Economia da Cultura e Desenvolvimento Sustentável“ e “Cidades Criativas”, vencedor e finalista, respectivamente, do Prêmio Jabuti.

Cris Olivieri, advogada, é Diretora da Olivieri e Associados Advocacia. Master em Administração das Artes pela Universidade de Boston, Olivieri é Mestre em Política Cultural (USP) e especialista em Gestão de Processos Comunicacionais e Culturais (USP). Além de coautora do Guia Brasileiro de Produção Cultural e do recém-lançado “Direito, Arte e Liberdade”, é autora do livro “Cultura Neoliberal – Leis de Incentivo como Política Pública de Cultura”.

Daniele Torres é pós-graduada em História da Arte, Gestão da Cultura e Comunicação Empresarial. Em mais de 20 anos de carreira, atuou como museóloga, produtora e gestora de espaços culturais e organizações sociais. Especializada em leis de incentivos fiscais, planejamento estratégico e captação de recursos, foi gestora de patrocínios de grandes corporações e diretora-gerente do Instituto AES. Além da empresa Companhia da Cultura,  é também sócia e coordenadora de cursos na escola Cultura e Mercado.

Inti Queiroz é linguista, filóloga e produtora cultural. Doutora e Mestre em letras pela USP, com pesquisa sobre as políticas culturais brasileiras contemporâneas. Além de docente dos cursos de gestão cultural da PUC-SP e da Unicamp, ministra cursos livres na escola Cultura e Mercado e nas Unidades do Sesc São Paulo.

Thiago Saraiva é gestor, antropólogo e músico. Por meio da Poiesis – Organização Social de Cultura, foi Coordenador de Articulação e Difusão de cinco unidades de Fábricas de Cultura, na cidade de São Paulo, e Gerente do Programa de Qualificação em Artes, com atuação no interior paulista. Atualmente, é Superintendente das Oficinas Culturais.

Fonte: Oficinas Culturais