Oficina possibilita que os alunos interajam e criem seus próprios personagens fictícios por meio de programas interativos

Todo mundo tem um personagem ou escritor da literatura favorito. Mas, você já imaginou poder conversar com William Shakespeare sobre a peça Romeu e Julieta? Ou debater junto à Dom Quixote sobre moinhos? O sonho de muita gente é bater um papo com seus ídolos, mesmo que eles já tenham morrido. Fã é fã e ponto final. Por que não bater um papo com suas próprias criações? Basta aproveitar a aula aberta com os Autômatos Poéticos, dia 15 de março, na Casa das Rosas. No evento, o público poderá conhecer o universo dos “robôs de conversação”.

Os robôs de conversação, conhecidos como chatbot ou chatterbot, são um sistema automatizado, ou seja, um programa que simula uma conversa, como as estabelecidas entre seres humanos via Internet. Este tipo de robô funciona assim: o usuário escreve alguma sentença, rapidamente o robô consulta sua base de conhecimento, como se fosse o seu “cérebro”, e envia uma resposta. Cada robô possui uma base de conhecimento (ou base de regras) que é o seu “cérebro”, e neste local ele carrega o seu repertório de associações. Os robôs dependem também de uma interface, ou seja, de um meio que permita a interação entre pessoas e sistema automatizado.

Estes autômatos são ótimos para trabalhar a imaginação, criar um novo domínio ou personagens, já que os robôs realizam associações a partir da sua base de dados, assim quanto mais dados forem inseridos, mais conteúdo para diálogos existirão. Ficou curioso? Participe da aula aberta com Soraya Braz e Fabio FON, do Autômatos Poéticos, uma prévia do curso Autômatos Poéticos: escrita criativa para robôs de conversação, que ocorrerá nos meses de abril, maio e junho na Casa das Rosas. Durante o curso, os alunos além de conhecerem o projeto, poderão criar, individualmente ou em grupo, seus próprios robôs de conversação.

Neste curso, além de construir um personagem para que ele interaja com as ideias de seu leitor e criador, o robô é um experimento que pode criar uma série de possibilidades, como poemas e textos que surjam a partir das conversas e até modos de escritas multilineares. São muitas possibilidades neste aprendizado, basta ter criatividade!

Quem quiser conhecer um robô de conversação e já pensar num protótipo, pode acessar o chatbot Mimo Steim – artista tecnológico, de Fábio FON, na página http://mimosteim.me/teleperform.html.

Para a aula aberta não é necessário fazer inscrição, mas os interessados em fazer o curso podem se inscrever na Recepção do museu a partir do dia 15 de março.

Autômatos Poéticos
Com Soraya Braz e Fabio FON
Entrada gratuita

Aula aberta: E se meu leitor batesse um papo com minhas criações?
Terça-feira, 15 de março, às 16h

Curso: Autômatos Poéticos: escrita criativa para robôs de conversação
Terças e quintas-feiras, 5, 7, 12, 14, 19, 26 e 28 de abril, 3, 5, 10, 12, 17, 19, 24 e 31 de maio e 2, 7, e 9 de junho, das 15h às 17h
Inscrições: a partir de 15/3 na recepção da Casa das Rosas
Curso gratuito

Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura
Avenida Paulista, 37 – próximo à Estação Brigadeiro do Metrô.
Horário de funcionamento: de terça-feira a sábado, das 10h às 22h;
Domingos e feriados, das 10h às 18h.
Convênio com o estacionamento Parkimetro: Alameda Santos, 74 (exceto domingos e feriados).
Tel.: (11) 3285-6986 / (11) 3288-9447.
Site: www.casadasrosas.org.br
Twitter: www.twitter.com/casadasrosas
Facebook: www.facebook.com/casadasrosas
Instagram: www.instagram.com/casadasrosas

Fonte: Casa das Rosas