Museu do Café recebe inscrição para o Curso Mulheres modernistas

Em fevereiro, comemora-se os 100 anos da Semana de Arte Moderna de 1922, movimento que marcou a história do Brasil a partir da pintura, escultura, poesia, literatura e música. Visando a dar início às celebrações do centenário dessa grande referência cultural, o Museu do Café promoverá o curso on-line “Mulheres modernistas”, ministrado pela professora doutora Regina Teixeira de Barros, nos dias 1, 8, 15 e 22, às 19h.

Dividida em quatro módulos, a atividade busca examinar o trabalho de mulheres que atuaram na área de artes visuais no País nas décadas de 1920 e 1930, indo além dos nomes mais conhecidos. Anita Malfatti e Tarsila do Amaral, por exemplo, são largamente consagradas, mas outras artistas também contribuíram de modo relevante para o cenário que se construía, como Regina Gomide Graz e Mina Klabin Warchavchik.

Além de abordar as profissionais em si, a professora Regina – que é doutora em Estética e História da Arte pela Universidade de São Paulo (USP) e curadora de diversas exposições ligadas ao assunto – apresentará o papel da fazendeira Olívia Guedes Penteado junto ao grupo de modernistas, que foi central para a promoção da arte moderna nacional.

Cada encontro contará com temas variados, seguindo a ordem: “Revendo Anita Malfatti” (01/02), “O Brasil de Tarsila do Amaral” (08/02), “Mulheres iluminadas: Regina Gomide Graz e Mina Klabin Warchavchik” (15/02) e “Olívia Guedes Penteado: a dama do modernismo” (22/02).

Com vagas limitadas, as oficinas acontecerão toda terça-feira de fevereiro, às 19h, por meio da plataforma Zoom. A turma terá acesso às gravações do conteúdo ministrado por 30 dias, por meio de link no Youtube.

A capacitação completa tem o custo de R$ 150 e, ao final, os inscritos receberão certificado de participação. Para aderir, é preciso enviar um e-mail ao inscricao@museudocafe.org.br. A equipe do MC responderá com os detalhes de pagamento e as informações de acesso.

PALESTRAS, OFICINAS E APRESENTAÇÕES MUSICAIS TAMBÉM INTEGRARÃO A AGENDA

O curso “Mulheres modernistas” será a primeira de diversas programações idealizadas pelo Museu do Café para o período. A instituição divulgará, em breve, novas atrações baseadas na mesma pauta, incluindo palestras, leituras, apresentações musicais e oficinas, a fim de discutir a quebra de paradigmas da Semana de 22 e sua influência na contemporaneidade das artes.

Os interessados devem acompanhar o site e as redes sociais (@museudocafe) do equipamento.

SEMANA DE ARTE TRANSMODERNA (SAT-22) FOI LANÇADA EM DEZEMBRO

O MC também está envolvido, como apoiador, na realização da Semana de Arte Transmoderna da Baixada Santista. O projeto, do Fórum da Cidadania de Santos/Concidadania, teve seu lançamento oficial no auditório do edifício da antiga Bolsa Oficial de Café, em dezembro. Na ocasião, foram divulgadas a carta de apresentação, a identidade visual, o selo comemorativo e o vídeo institucional de introdução da SAT-22. A live pode ser assistida no canal do Fórum (/ConsciênciapelaCidadaniaCONCIDADANIA).

Fonte:Museu do Café