Museu Casa de Portinari realiza live em memória aos 60 anos da morte do pintor

O pintor Candido Portinari faleceu precocemente em 1962, aos 58 anos, intoxicado pelas tintas que usava. Em memória aos 60 anos de sua morte, o Museu Casa de Portinari realizará um encontro virtual neste domingo (6), às 17h.

 A live especial será transmitida pelo canal do Museu no Youtube e contará com a participação de João Candido Portinari, diretor geral do Projeto Portinari. O tema será “Candido Portinari: um homem, um tempo, uma nação”, que vai abordar aspectos da vida e obra de Candinho, além de apresentar o trabalho realizado pelo Projeto Portinari há décadas e também as recentes iniciativas, como o “Projeto Guerra e Paz” e a exposição “Portinari para Todos”.

Para Angelica Fabbri, diretora-executiva da Organização Social de Cultura ACAM Portinari, que administra o museu, “o trabalho do Projeto Portinari, sob a idealização e direção de João Candido, constitui uma fonte única de conhecimento e permite conhecer a vida e a obra completa do pintor, bem como amparar pesquisas sob os mais diversos ângulos, tanto para o Museu Casa de Portinari, quanto para outros museus e pesquisadores, na qualidade de maior referência sobre o pintor”, diz.

Ainda segundo ela, “o museu tem em João Candido sua grande referência na preservação e difusão do legado de Candido Portinari e celebra a sua presença nas homenagens aos 60 anos da morte de seu pai, bem como o seu inestimável apoio ao trabalho da instituição, somados ao carinho pelos laços fortes dele com a casa, já que aqui ele aprendeu a correr em sua tenra infância e está eternizado pelo pintor na Capela da Nonna na representação do Menino Jesus no colo de Santo Antônio.”

Fonte: Museu Casa de Portinari