Museu Afro Brasil expõe coleção de arte brasileira Odorico Tavares

Em homenagem ao centenário de nascimento do poeta e colecionador pernambucano Odorico Tavares, o Museu Afro Brasil – instituição da Secretaria de Estado da Cultura, exibe uma das mais importantes coleções privadas de arte brasileira com a exposição “Modernidade – Coleção de Arte Brasileira Odorico Tavares”. A abertura da mostra aconteceu no dia 25 de abril.

Portinari, Di Cavalcanti, Pancetti, Volpi, Djanira, Carybé, Antônio Bandeira, Manabu Mabe, Flavio-Shiró, Francisco Brennand, Aldemir Martins e Mário Cravo Júnior são alguns dos artistas incorporados à coleção, que engloba também artistas internacionais como Picasso e Miró.

“Odorico orientou sua coleção pensando na modernidade”, diz o curador Emanoel Araujo, que na década de 80, no Museu de Arte da Bahia, curou a primeira exibição pública do acervo. Além de dezenas de obras modernistas, a coleção é marcada pela presença de artistas pernambucanos como Cícero Dias, Lula Cardoso Ayres e Mestre Vitalino, por pintores populares da Bahia, e conta, ainda, com mobiliário e valiosos exemplares de arte sacra. Todas as facetas do colecionador convidam a um empolgante passeio por grandes momentos da arte brasileira.

Sobre Odorico Tavares

Exposição “Modernidade – Coleção de Arte Brasileira Odorico Tavares”.
Entrada gratuita
Museu Afro Brasil
Av. Pedro Álvares Cabral, s/n
Parque Ibirapuera – Portão 10
São Paulo / SP – Brasil – 04094 050
Fone: (11) 3320 8900

Fonte: Secretaria de Estado da Cultura