MIS recebe exposição sobre o universo do surfe no projeto Caos on Canvas

3.mostracaosoncanvasmis

 

Composta por fotografias que sofreram intervenções artísticas – como pintura e colagens – a mostra acontece entre os dias 1º de novembro e 3 de dezembro. Entrada gratuita

 

O Museu da Imagem e do Som, instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, recebe, de 1º de novembro a 3 de dezembro, a exposição CAOS ON CANVAS. Com entrada gratuita, a mostra acontece no térreo e escadarias do MIS.

Esta é a segunda edição do projeto de intervenção em fotografias, que promove a disruptura da arte, através de uma forma diversificada de estilos, exercitando um novo olhar de seus espectadores sobre as obras apresentadas. O tema da mostra explora o universo do surfe, um esporte que vem conquistando os brasileiros devido ao grande sucesso dos seus atletas no circuito mundial.

O idealizador e curador Didu Losso selecionou imagens do fotógrafo Ricardo Borghi, publicadas em renomados veículos internacionais e nacionais como Surfer Magazine, Surfing Magazine, Surfer’s Jornal e outros, que marcaram momentos importantes do esporte. A partir daí, artistas de diferentes áreas de atuação foram convidados para fazer suas intervenções em cada fotografia – que vão desde a pintura tradicional japonesa até a arte contemporânea. O resultado desse trabalho está materializado em 33 obras, em formatos inusitados, que consolidam vínculos entre artistas nacionais e internacionais nas áreas de design, artes plásticas, música, moda, cinema e tatuagem. Também estarão expostos trabalhos criados por um grupo de artistas com deficiência visual da Associação Laramara.

Dentre os destaques, a exposição conta com nomes como: Tim Armstrong, o americano vocalista e líder da banda de punk rock “Rancid”, que usa acrílico para transformar uma situação ruim em boa; Akemi Higashi, talentosa tatuadora de renome internacional, que pintou a foto do campeão Adriano de Souza “Mineirinho”; Tul Jutargate, conhecido por seus bordados exclusivos para celebridades da música como Rolling Stones, Pharrell Williams, Kate Perry, Social Distortion e marcas como, Levis, Lucky Brand, entre outras e Fashion Weeks, que fez aplicação nas imagens; Alê Jordão, conhecido por seu trabalho com neon, insere uma lâmpada de 220v na fotografia; Adriano Ricardi, escultor e customizador de carros clássicos e antigos, que faz um trabalho com aço; Revolue, artista em ascensão que usa acrílico, nanquim, spray e massa dourada na foto do surfista Ricardinho, assassinado em 2015, eternizando sua última onda; Sarah Chofakian, designer de sapatos, que usa cristais para fazer brilhar a natureza, sua principal fonte de inspiração.

A mostra CAOS ON CANVAS já foi exposta no Consulado Geral do Brasil em Los Angeles, de maio a agosto deste ano, alcançando um grande sucesso de visitação. Mais  informações sobre o projeto podem ser encontradas em: www.caosoncanvas.com.br. 

 

Serviço
Exposição Caos on Canvas
Data 1 de novembro a 3 de dezembro de 2016
Horário: terças a sábados, das 12h às 20h; domingos e feriados, das 11h às 19h
Local: Térreo e Escadaria
Ingresso: gratuito
Classificação: livre
 
Museu da Imagem e do Som – MIS
Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo
Telefone: (11) 2117-4777
 
 
Fonte: Assessoria de imprensa – SEC
Imagem: divulgação