Mesa – redonda Arte e Loucura no Museu de Saúde Pública Emílio Ribas

As fronteiras entre loucura e razão na criação artística e na saúde serão debatidas em mesa-redonda no Museu de Saúde Pública Emílio ribas, que integra a programação da Exposição Mais que humanos. Arte no Juquery, em cartaz no museu até fevereiro de 2017.

Compõem a mesa:

Edson Passetti, cientista social, professor associado da PUC-SP, pesquisador em Ciência Política, foi coordenador do Projeto Ecopolitica: governamentalização planetária, novas institucionalizações e resistência. Atualmente coordena o NuSol – Núcleo de sociabilidade Libertária da PUC-SC.

Elizabeth Lima, professora do Curso de Terapia Ocupacional da Universidade de São Paulo e orientadora no Programa de Pós-graduação em Psicologia da Unesp-Assis, é uma das fundadoras do Laboratório e Estudos e Pesquisa Arte, corpo e Terapia ocupacional. Em suas pesquisas investiga as relações entre arte e saúde com enfoque em práticas que conectam os processos criativos à produção de subjetividade.

Ricardo Resende, mediador, curador da exposição Mais que Humanos. Arte no Juquery e do Museu Bispo do Rosário.

 

SERVIÇO:
Mesa redonda Arte e Loucura
Data: 21 de setembro de 2016
Horário: 14h
Museu de Saúde Pública Emílio Ribas
Rua Tenente Pena, 100 – Bom Retiro – São Paulo/SP
Informações: (11) 2627-3881
 
 
4.museuemilioribas 2
 
 
 
Fonte: Museu de Saúde Pública Emílio Ribas
Imagem: divulgação