Instituto Brasileiro de Museus publica recomendações para reabertura pós-pandemia

O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) publicou um documento com recomendações aos museus com medidas de prevenção ao contágio do Covid-19. O documento visa a orientar as instituições que se preparam para a reabertura após a interrupção das atividades de atendimento ao público imposta para a contenção da pandemia.

Entre as recomendações estão a importância da readequação de procedimentos e a implementação de medidas de segurança tais como a possibilidade da adoção de teletrabalho para os profissionais que possam executar seu trabalho de forma remota, escala de revezamento às equipes cuja presença é essencial; a adoção de regras de circulação, observando o distanciamento físico recomendado; a adequação dos sistemas de ar condicionado e ventilação para a renovação do ar; o aumento da periodicidade da desinfecção do local; a adoção de equipamentos de proteção individual (EPI); a redefinição da capacidade máxima de visitantes por ambientes e turnos de visitação, entre outros.

A intenção do Instituto Brasileiro de Museus é disponibilizar a todos os museus do país informações sobre boas práticas e orientar a retomada gradual dos serviços presenciais nos museus, pós-pandemia, de forma a garantir um ambiente seguro para a saúde das equipes de trabalho e de seus visitantes.

Confira o documento na íntegra.

Fonte: Ibram