Instituições culturais do Governo de SP têm programação especial no mês do Orgulho LGBTQIA+

As instituições da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo prepararam programação especial para o mês do Orgulho LGBTQIA+. Entre as atividades estão exposições, exibição de filmes, sarau, palestras, bate-papo, entre outras ações nos museus, bibliotecas, oficinas culturais e fábricas de cultura.

Confira a programação completa:

Museu Afro Brasil

Data: 18 de junho

Horário: 16h

Programação: Negras Palavras: Diversidade no Museu

No mês do Orgulho LGBTQIA+ o Museu Afro Brasil convida dois artistas que dialogam com seu acervo, Rafael BQueer e Lia D Castro, para conversarem sobre a maneira como abordam as questões de gênero em suas produções.

Local: Teatro Ruth de Souza — Museu Afro Brasil

O que é necessário para participar: Inscrições abertas pelo link: Link 

Mediação: Educativo Museu Afro Brasil

Mais informaçõesLink

Casa das Rosas

Programação: TRANSARAU

Data: 25 de junho

Horário: 16h às 18h

Descrição: A Casa das Rosas recebe em seu jardim o TRANSarau, evento que busca promover a apropriação da fala, da escrita e da performance para a população LGBTQIA+. A proposta é fomentar um espaço onde seja possível se manifestar livremente, por meio de performances poéticas, dança, bateção de cabelo e microfone aberto.

O que é necessário para participar: sem necessidade de inscrição.

Local: no jardim do museu Casa das Rosas, Av. Paulista, 37

Mais informações:Link 

Biblioteca de São Paulo

Data: 21 de junho

Horário: 16h às 18h

Programação: Palestra Quadrinhos Trans: LGBTQIA+ e Humor

Descrição: Com uma leitura de tirinhas e quadrinhos de temática trans serão levantados questionamentos sobre o papel do humor, o enfoque ético e as possibilidades criativas na ressignificação de estigmas e na abordagem de experiências marginalizadas. Ministrante: Lino Arruda, doutor em literatura, ilustrador e quadrinista transmasculino.

O que é necessário para participar: Inscrições abertas pelo link Link Vagas limitadas.

Formato: Atividade on-line, ao vivo.

Mais informações:Link 

Museu da Imigração

Ação: Dia do Orgulho LGBTQIA+

Data: 28 de junho

Horário: 14h

Descrição: Bate-papo sobre os diálogos entre migração e questões LGBTQIA+ no Brasil.

O que é necessário para participar: sem necessidade de inscrição.

Formato: Presencial

Mais informaçõesLink 

Fábrica de Cultura Vila Curuçá

Data: 22 de junho, às 11h; 28 de junho, às 16h

Programação: Encontro de Leitores: Dia Internacional do Orgulho Gay

Descrição: O livro: “50 LGBTQ+ incríveis”, de Débora Thomé, ilustrado por artistas LGBTQIA+, apresenta biografias inspiradoras de cinquenta personalidades brasileiras da comunidade LGBTQIA+. A Biblioteca convida o público a conhecer o livro presente no acervo da plataforma digital Árvore Livros e a participar de um jogo lúdico abordando alguns nomes presentes na obra.

Local: Biblioteca (Presencial)

Mais informações: Link 

Fábrica de Cultura Sapopemba

Data: 28 de junho

Horário: 15h

Programação: Encontro de Leitores — Top 10 LGBTQIA+

Descrição: A Biblioteca convida a todos para falar sobre o universo LGBTQIA+ e artistas que valem a pena conhecer a obra como: Audre Lorde, Stéphanie Arc, Ryane Leão, Clara Alves.

Formato: Live – Instagram – @fabricadeculturasapopemba(Transmissão ao vivo)

Fábrica Show — Ação virtual / Presencial.

Evento de Final de Semanal — Espetáculo: Drag Xênia

Data: 04 de junho

Horário: Das 13h às 17h

Divulgação: Instagram e distribuição de panfletos na comunidade.

Transmissão: Instagram e presencial

Local: Teatro.

Mais informações: Link 

Fábrica de Cultura Itaim Paulista

Data: 28 de junho

Horário: 11h

Programação: Leitura Mediada + Roda de conversa: Dia Internacional do Orgulho Gay.

Descrição: A Fábrica apresentará para o público a história desse dia, enfatizando a importância da luta da comunidade LGBTQIA+ por seus direitos e por respeito. Para conduzir esta atividade apresentaremos dois livros que serão norteadores para uma roda de conversa: “Meus dois pais”, de Walcyr Carrasco e “50 LGBTQIAP+incríveis”, de Débora Thomé, disponíveis no aplicativo Árvore Livros.

Local: Biblioteca (Presencial)

Mais informações: Link 

Fábrica de Cultura Parque Belém

Data: 25 de junho

Horário: 15h

Programação: Leitura Pública: Jaime é uma Sereia (Dia do Orgulho LGBTQIA+)

Descrição: Para esta atividade, será utilizado o livro: “Jaime é uma Sereia”, escrito e ilustrado por Jessica Love.

Local: Biblioteca (Presencial)

Mais informações: Link 

Fábrica de Cultura São Bernardo do Campo

Data: 08 de junho, às 16h (presencial);

22 de junho (publicação de vídeo – YouTube);

28 de junho, às 11h (presencial)

Programação: Encontro de Leitores: Arco-Íris – Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+

Descrição: O arco-íris, esse fenômeno que intriga a humanidade desde seu princípio, será revelado pela equipe da Bibliotech, que convida o público a conhecer mitos, lendas e crenças que o cercam, apresentando as razões que levaram as comunidades LGBTQIA+ a o adotarem como símbolo de sua luta, como nos mostra Eulício Farias de Lacerda em seu livro: “As Filhas do Arco-Íris”.

Divulgação/transmissão: Publicação de vídeo YouTube (TV Fábricas de Cultura)

Local:  Bibliotech (Presencial)

Mais informações: Link 

Museu Índia Vanuíre (Tupã/SP)

Data: 16 de junho

Horário: 15h

Programação: Você sabia que em Tupã existe o coletivo Tibira? Trata-se de um coletivo formado pela comunidade LGBTQIA+ que tem como objetivo a promoção da visibilidade e a proteção voltada a esta comunidade. O Museu apresenta, por meio de vídeo, quem foi Tibira, ressaltando a luta histórica das populações originárias, em especial a LGBTQIA+.

Local: Mídias Sociais (Instagram: @museuindiavanuire | Facebook: / museuindiavanuire | Twitter: /mhindiavanuire/ | YouTube: /mhindiavanuire)

Mais informações: Link 

Museu Felícia Leirner e Auditório Claudio Santoro (Campos do Jordão/SP)

Data: 16 de junho

Horário: 8h

Programação: O Museu e Auditório compartilham criações artísticas em torno dos temas sexualidade e gênero, no qual a partir de temáticas relacionadas à produção artística da escultura Felícia Leirner, artistas LGBTQIA+ irão compartilhar sua visão artística sobre o tema em discussão.

Local: Mídias Sociais (YouTube: /museufelicialeirner / Instagram: @museufelicialeirner | Facebook: /museufelicialeirner | Twitter: /mfelicialeirner | TikTok: @museufelicialeirner)

Mais informações: Link 

Museu Casa de Portinari (Brodowski/SP)

Data: 16 de junho

Horário: 10h

Programação: O artista plástico Carlos Tarocco participa da ação Museum Week, falando sobre a desconstrução de estereótipos no campo da sexualidade.

Programação: #SexualidadeMW: A Desconstrução de Estereótipos

Local: Mídias Sociais (YouTube: /casadeportinari | Instagram: @museucadeportinari | Facebook: /museucasadeportinari | Twitter: /casadeportinari)

Mais informações: Link 

Fonte: Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado