Instituições culturais da Secretaria de Cultura e Economia Criativa têm programação especial no mês da mulher

Museus, Fábricas de Cultura, Oficinas Culturais e Bibliotecas da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo estão com agenda especial para celebrar o Dia Internacional da Mulher (8/3) durante o mês de março.

As atrações vão desde Festival de Cinema Feminino virtual na plataforma de streaming #CulturaEmCasa, bate-papo sobre Mulher, Ancestralidade e Ciência no Museu Afro Brasil, passando por oficinas de artes gráficas e testemunhos. Confira essas e outras programações das instituições estaduais.

Festival de Cinema Feminino #CulturaEmCasa

Programação da Plataforma de streaming e vídeo por demanda #CulturaEmCasa

A Jornada da Heroína      https://culturaemcasa.com.br/video/jornada-da-heroina/

Amor Post Mortem https://culturaemcasa.com.br/video/amor-post-mortem/

A Casa de Alice      https://culturaemcasa.com.br/video/a-casa-de-alice/

Iniciação (pagu)    https://culturaemcasa.com.br/video/iniciacao/

Fábulas Reais        https://culturaemcasa.com.br/video/fabulas-reais/

Rainha do Maracatu https://culturaemcasa.com.br/video/rainha-do-maracatu/

Cartas para Cecília https://culturaemcasa.com.br/video/artas-para-ceciliac/

Lora   https://culturaemcasa.com.br/video/lora/

Chega de Fiu Fiu    https://culturaemcasa.com.br/video/chega-de-fiu-fiu/

Filmes Estreando na Plataforma

Data: 8/3, a partir das 19h:

Cores e Botas (2010), As Minas do Rap (2015) e Leva (2011).

MUSEUS

Museu Afro Brasil

Data: 8/3, às 15h

Negras Palavras: Mulher, Ancestralidade e Ciência – Pelo Zoom

Como parte da Programação do Mês da Mulher, o Museu Afro Brasil oferece um encontro sobre a experiência de mulheres na ciência e na relação com suas ancestralidades. Para isso, convidam Jaqueline Gomes de Jesus, doutora em Psicologia Social, e Isis Paixão, biomédica e mestra em Patologia Experimental e Comparada. O evento será mediado pela professora e doutora Dulci Lima.

Formato: online, ao vivo: https://www.youtube.com/watch?v=eyY4DRxz1S4

Não é necessário inscrição prévia.

Data: 19/3, às 14h

Museu na Marquise: A dança das Yabás – Na marquise do Museu

O Museu Afro Brasil oferece uma oficina na Marquise do Museu, inspirada nas Orixás, que tem como objetivo despertar a corporeidade africana e indígena contida na nossa ancestralidade corporal afro-brasileira. Para isso, o MAB convida a bailarina afro, historiadora e arte-educadora Regina Santos para esse encontro com o corpo ancestral no Museu na Marquise.

Formato: Presencial

Data: 26/3, às 10h

Negras Palavras: Mulher e as Artes Visuais – No auditório do Museu

O Museu Afro Brasil oferece um encontro sobre a experiência de mulheres nas artes visuais, em um diálogo entre literatura e artes gráficas. Para isso, o MAB convida a escritora Elizandra Souza e a artista visual e multimídia Sheia Ayo. O evento será mediado pela doutoranda em História da Arte Joyce Farias, pesquisadora do Museu Afro Brasil.

Formato: Presencial

Data: 26/3, às 14h

Oficina de Artes Gráficas – No Museu

O Museu oferece também uma oficina em diálogo entre a escrita e as possibilidades das artes gráficas. Para isso, o MAB convida a doutoranda em História da Arte Joyce Farias, pesquisadora do Museu Afro Brasil.

Formato: Presencial

Museu Catavento

Data: 8/3, das 09h às 17h

Para marcar o Dia Internacional da Mulher, a exposição temporária Mulheres na Ciência foi prorrogada até 8 de março. A mostra visa promover maior visibilidade às mulheres que se dedicaram e dedicam às ciências. Na exposição, serão apresentadas 12 mulheres cientistas, de diferentes épocas, nacionalidades e campos do conhecimento e que exerceram de maneira significativa seu trabalho em prol da ciência.

Formato: Presencial

Memorial da Resistência de São Paulo

Data: 7, 9 e 11/3, às 14h;

Na semana do 8 de março, data que marca o Dia Internacional da Mulher, o Memorial da Resistência homenageia e relembra a luta durante o período da ditadura civil-militar brasileira (1964-1985) de mulheres entrevistadas pelo programa Coleta Regular de Testemunhos.

Formato: Publicação nas redes sociais e site do Memorial de trechos de entrevistas pertencentes ao programa Coleta Regular de Testemunhos

Paço das Artes

Data: 8/3, às 17h

Paço Conversa com Gretta Sarfaty e Maya Messina

Partindo da exposição “Máscaras: fetiches e fantasmagorias”, a curadora Mirtes Marins e Maya Messina, da Central Galeria, conversam com Gretta Sarfaty sobre sua produção centrada no feminismo e na body art, e sobre sua icônica publicação “Auto-Photos”, de 1978.

Formato: Presencial

MIS -SP

Data: 8 a 13/3

Em 2022, o MIS presta homenagem à atriz e produtora americana Frances McDormand, que completa 65 anos, mais de 30 deles dedicados ao cinema. Formato: Presencial – Retirada apenas on-line pelo site mis-sp.byinti.com a partir do dia 04, sexta, às 12h

CINEMATOGRAPHO – CLÉO DAS 5 ÀS 7

Data: 27/3, às 15h

Formato: Presencial | R$20 (inteira) e R$10 (meia) – Retirada apenas on-line pelo site mis-sp.byinti.com a partir do dia 18, sexta, às 12h

CURSO: Arte no Brasil do século 20 pelas obras de artistas mulheres

Data: 09, 14, 16 e 21/3, segundas e quartas, das 19h às 21h

Formato: On-line | R$120 – Inscrições em: mis-sp.org.br/cursos

CURSO: Feminismos e cinema da América Latina

Data: 15, 17, 22, 24, 29 e 31/3, das 19h às 21h

Formato: On-line | R$180 – Inscrições em: mis-sp.org.br/cursos

Museu do Futebol

Data: 8/3, às 10h e 11h

Às 10h, haverá uma visita temática para público espontâneo, por ordem de chegada, com o tema “As mulheres no futebol”.

A partir das 11h, será ofertado o quiz “Mulheres de Ouro”, em que os visitantes serão desafiados a conhecer mais sobre as campeãs famosas e anônimas do Brasil, de diferentes modalidades.

Formato: Presencial

Museu da Imigração

Data: 31/03, das 11h às 18h

Em parceria com a Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania/SMDHC e a Organização Internacional das Migrações (OIM), o Museu realizará um evento voltado para as mulheres migrantes. Haverá visita guiada à exposição temporária “Mulheres em Movimento”, rodas de conversa, palestras e oficinas. A programação contará também com cadastro para vagas de emprego e orientação sobre serviços e regularização migratória.

Formato: Presencial

Museu da Língua Portuguesa

Data: 12/3, das 10h30 às 12h

O Núcleo de Articulação Social do Museu da Língua Portuguesa promove uma visita temática pela exposição principal destacando o protagonismo das mulheres trans no acervo da instituição. A visita é um convite à reflexão sobre as pluralidades das identidades femininas a partir da palavra travesti.

Formato: Presencial

Data: 13/3, às 10h e às 13h

O Núcleo Educativo do Museu da Língua Portuguesa prepara uma visita temática pela exposição principal com enfoque no protagonismo das mulheres.

Formato: Presencial

Casa Mário de Andrade

Data: 8, 15, 22 e 29/3, das 19h às 21h

CURSO (Formato virtual, transmitido via Zoom)

SETE MULHERES NA VIDA DE MÁRIO DE ANDRADE

Com Laura Escorel e convidados

O curso apresenta sete mulheres que tiveram papel marcante na trajetória do escritor Mário de Andrade, apresentando momentos da obra do escritor relacionados a elas.

Formato: virtual, pelo Zoom: clique aqui

Casa Guilherme de Almeida

Data: 19/3, 15h às 16h

VISITA TEMÁTICA

AS MULHERES DO MODERNISMO NA CASA GUILHERME DE ALMEIDA

Com Ana Lídia Teberga, do Núcleo de Ação Educativa do museu

A visita presencial abordará, com base no acervo do museu, a participação de mulheres escritoras e artistas plásticas no modernismo. Entre outras, serão focalizadas Cecília Meireles e Rachel de Queirós, na literatura, e Tarsila do Amaral, Anita Malfatti e Moussia Pinto Alves, no campo das artes visuais, buscando oferecer aos visitantes possibilidades de reflexão sobre a atuação feminina e seu legado para a arte e a cultura brasileiras.

Formato: Presencial – Agendamento prévio até 19/03 ou até o preenchimento das vagas – clique aqui

Casa das Rosas

Data:26/3, 15h às 15h30

RECITAL – POEMAS MODERNISTAS: Pagu

Com Maria Giulia Pinheiro
Nesta série on-line de vídeos, promovida quinzenalmente pela Casa das Rosas, autores são convidados a fazer leituras e comentários de poemas modernistas. Desta vez, a poeta, performer e pesquisadora feminista Maria Giulia Pinheiro lê poemas e outros textos de Patrícia Galvão, a Pagu.

Formato: virtual
Atividade realizada pelo canal de YouTube do museu. Não há necessidade de inscrição.

Casa das Rosas

Data: 26/3, das 18h às 20h

SLAM DAS MINAS

O Slam volta ao jardim da Casa das Rosas para comemorar seu sexto ano de disputas de poesia falada. A batalha ocorrerá em três rodadas, sendo duas de competição geral entre participantes e a última apenas de finalistas.

Formato: presencial – no jardim do museu. Sem a necessidade de inscrição

Museu do Café – Santos/SP

Data: 19/3, às 14h

Título do evento: Cartografia afetiva – Registro de memórias através da literatura de mulheres negras

Detalhes da programação: Mediado pela poeta Ornella Rodrigues, o encontro visa a troca de experiências de escritoras negras da região, abordando suas escritas, vivências e memórias afetivas.

Formato: Presencial

OFICINAS CULTURAIS

Oficina Cultural Maestro Juan Serrano

Data: 7 a 18/3, das 9h às 13h

Formação Em Ofício Cultural – Releitura Moderna da Semana de 22 Com Lady Brown
Seleção: Por ordem de inscrição:

https://poiesis.education1.com.br/publico/inscricao/e3bb9fa75d0ae7da40a40c4e3f2f3fd4

Formato: Presencial

Oficina Cultural Maestro Juan Serrano

Data: 11/3 a 25/3, sextas-feiras, das 14h às 16h

ORIGAMI – A ARTE DE DOBRAR PAPEL: NÚCLEO DE CAPACITAÇÃO ARTÍSTICA PARA MULHERES

Com Liane Bittencourt

Seleção: Por ordem de inscrição:

https://poiesis.education1.com.br/publico/inscricao/ad6bf3efd234fc87c76f3158c2a973df

Formato: Presencial – Rua Joaquim Pimentel, 200. Brasilândia – São Paulo/SP | On-line – Zoom ao vivo.

Oficina Cultural Maestro Juan Serrano

Data: 14 a 25/3, das 14h às 18h

Formação Em Ofício Cultural – Releitura Moderna da Semana de 22 Com Soberana Ziza
Seleção: Por ordem de chegada. Inscreva-se até 13/3.

Formato: Presencial

Oficina Cultural Maestro Juan Serrano

Data: 19/3, das 10h às 13h

Ocupação Sustentável Convida Dona Helena (Mulheres De Gau)
Coordenação: Natali Santos e Dona Helena (Mulheres de Gau)

Formato: Presencial

Oficina Cultural Oswald de Andrade

EXPOSIÇÃO | VOZES DA PAREDE: O TESTEMUNHO DO ESPAÇO

Concepção: Paula Halker, Marina Legaspe, Emilie Becker e Gabrielle Távora.

Formato: Presencial

Oficina Cultural Oswald de Andrade

Data: 31/3 a 30/4

ESPETÁCULO: MULHERES SONHARAM CAVALOS

Direção de Malú Bazán

Formato: Presencial

BIBLIOTECAS

Biblioteca Parque Villa-Lobos

Data: 8/3, das 16h às 18h

Roda De Conversa Conhecendo Intelectuais Negras Brasileiras

Apresentação de intelectuais negras ainda pouco conhecidas e seu protagonismo nos processos históricos. Um bate-papo com as pesquisadoras do projeto “Intelectuais Negras Brasileiras”, coordenado pela professora Renata Gonçalves. Livre. Com NEAB UNIFESP – Grupo de Estudos e Pesquisa Reflexos de Palmares.

Formato: On-line. Vagas limitadas, preenchidas por ordem de inscrição (bvl.org.br/inscricao).

Data: 26/3, das 11h às 13h

Segundas Intenções

Bate-papo com Alice Sant’Anna, poeta e editora. Publicou “Dobradura” (2008, 7 Letras), “Rabo de baleia” (2013, Cosac Naify, prêmio APCA) e “Pé do ouvido” (2016, Companhia das Letras), além de paquetes independentes. Seus livros foram lançados no Chile e nos Estados Unidos. Todos os volumes estão reunidos na edição portuguesa “Aula de natação” (Imprensa Nacional Casa da Moeda, 2018). Mediação de Manuel da Costa Pinto.

Formato: Presencial com transmissão ao vivo pela página no Facebook. Não é necessário inscrição. Vagas limitadas, preenchidas por ordem de chegada.

Biblioteca de São Paulo

Data: 12/3, das 11h às 13h

Segundas Intenções

Bate-papo com a escritora Micheliny Verunschk. Seu primeiro romance, Nossa Teresa – vida e morte de uma santa suicida (editora Patuá, 2014) foi agraciado com o Programa Petrobras Cultural e com o Prêmio São Paulo de melhor livro de 2015. É autora, entre outros, de Geografia Íntima do Deserto (Landy, 2003), O movimento dos pássaros (Martelo, 2020) e O som do rugido da onça (Companhia das Letras, 2021).  Mediação de Manuel da Costa Pinto.

Formato: Presencial com transmissão ao vivo pela página no Facebook

FÁBRICAS DE CULTURA

Fábrica de Cultura Sapopemba

Data: 10/3, às 15h

Live: Mulheres no Breaking

Em comemoração ao “Dia das Mulheres”, as educadoras Carolina (preparadora corporal do Projeto Espetáculo) e Daniella (Street Dance) realizarão uma live com foco em mulheres dançarinas que dançam breaking, estilo de dança majoritariamente dançada por homens.

Formato: Transmissão ao vivo (YouTube – Tv Fábricas)

Fábrica de Cultura Parque Belém

Data: 8/3, às 11h

Encontro de Leitores: Pagu e o Teatro

Patrícia Rehder Galvão, conhecida como Pagu, foi poeta, jornalista, tradutora, diretora teatral e militante do Partido Comunista. A mulher que nasceu para quebrar todas as estruturas do sistema viveu entre 1910 e 1952. Foi considerada pelos escritores e pintores modernistas a musa do modernismo quando tinha apenas 18 anos. Foi presa 23 vezes por lutar contra a desigualdade social e por melhores condições de vida para toda a população.

Formato: Presencial

Fonte: Secretaria de Cultura e Economia Criativa