Inscrições para o webinário sobre a Semana de Arte Moderna de 1922

O Memorial da América Latina, por meio do Centro Brasileiro de Estudos da América Latina (CBEAL), promove, no dia 30 de junho, um webinário para discutir a Semana de Arte Moderna brasileira e sua repercussão na América Latina.

O evento é uma parceria do Memorial com as seções latino-americanas e do Caribe da Associação Internacional de Críticos de Arte (AICA), com apoio do PROLAM- Programa de Pós-Graduação em Integração da América Latina da USP, da ABCA- Associação Brasileira de Críticos de Arte e do Centro Cultural da Universidade Católica Andrés Bello (UCAB), de Caracas.

O evento “Repercussões da Semana de Arte Moderna de 1922 no Brasil no cenário cultural regional: revisão 100 anos” integra um ciclo de webinários da AICA Internacional, criado para divulgar as atividades que envolvem interfaces entre as entidades de diferentes países – são 67 seções no mundo todo.

Participam do webinário do próximo dia 30 de junho os professores e críticos de arte: Tadeu Chiarelli, pelo Brasil; Maria Luz Cárdenas, pela Venezuela; e Cecilia Rabossi, pela Argentina – todos membros da Associação Internacional de Críticos de Arte.

O evento será em espanhol, com tradução simultânea para o português.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até o dia 28 de junho. As vagas são limitadas.

Para participar do evento, é necessário se inscrever pelo link: https://forms.gle/9FZNvxCm76rr9o9E9. Haverá emissão de certificados para participantes.

Sobre os palestrantes:

Tadeu Chiarelli
Graduado em Educação Artística, mestre e doutor pela USP. É professor sênior e orientador junto ao Programa de Pós-Graduação de Artes Visuais. Foi curador-chefe do Museu de Arte Moderna de São Paulo, diretor do Museu de Arte Contemporânea da USP e diretor geral da Pinacoteca de São Paulo. Tem livros publicados sobre Arte e Crítica de Arte no Brasil. É curador independente e assina uma coluna no website da revista Arte!Brasileiros. É membro da Associação Internacional de Críticos de Arte.

Maria Luz Cárdenas
Socióloga com pós-graduação em Filosofia. Desenvolveu uma carreira profissional como investigadora, curadora e gerente de museus de arte na Venezuela, como o Museu de Arte Contemporânea Sofía Imber, Museu de Belas Artes e Galeria de Arte Nacional. Atuou como docente na Universidad Católica Andrés Bello, Universidad Central de Venezuela, entre outras.

É presidente da Associação Internacional de Críticos de Arte/AICA Venezuela e autora de numerosas curadorias de exposições e ensaios sobre arte contemporânea em publicações e revistas especializadas.

Cecilia Rabossi
Licenciada em Artes pela Faculdade de Filosofia e Letras da Universidade de Buenos Aires. É curadora independente e desenvolve investigações, produção e curadoria de exposições na Argentina e no exterior. É secretária geral da AACA (Associação Argentina de Críticos de Arte) e membra do GEME (Grupo de Estudo sobre Museu e Exposições). Integra a equipe de docentes do mestrado em curadoria da UNTREF.

Atuou na área de programação geral do Museu de Arte Moderna. É autora de livros e artigos sobre arte argentina e latino-americana. É membro da Associação Internacional de Críticos de Arte.

SERVIÇO
Repercussões da Semana de Arte Moderna de 1922 no Brasil no cenário cultural regional: revisão 100 anos depois

30 de junho, às 17h
Transmissão pelo Zoom (link enviado antes do encontro para os inscritos)
Inscrições até 28 de junho pelo endereço: https://forms.gle/9FZNvxCm76rr9o9E9
Evento gratuito
Vagas limitadas
Emissão de certificados para inscritos.

Fonte: Memorial da América Latina