Exposição faz reflexão sobre natureza e civilização na Floresta Amazônia

Fordlandia de Melanie Smith - divulgacao 4-910x512Fordlândia”, de Melanie Smith – divulgação

A mostra “Fordlândia”, de Melanie Smith, fica em cartaz na Galeria Nara Roesler

Remetendo à história do projeto de Henry Ford (1863 – 1947) de fazer um grande polo produtor de látex para a confecção de pneus em plena Floresta Amazônica durante a década de 1930, a exposição “Fordlândia”, da artista britânica Melanie Smith, chega à Galeria Nara Roesler para mostrar ao público um vídeo e algumas pinturas que provocam reflexões sobre o conflito entre a natureza e a civilização.

A mostra pode ser conferida entre os dias 19 de novembro e 1° de fevereiro de 2015, de segunda a sexta, das 10h às 19h, e de sábado, das 11h às 15h. A entrada é Catraca Livre.

Durante a exposição, o público pode apreciar algumas pinturas da artista, que são fruto de sua pesquisa pictórica com base no uso da cor. As obras apresentam uma gama de verdes, em que a floresta surge como uma massa espessa e soberana, sem se dobrar ao capricho humano.

Já no vídeo, Melanie Smith faz um contraponto do verde com caminhões, concreto envelhecido e estradas cortadas em meio à floresta. Segundo a artista, a obra busca refletir sobre o impulso totalitário da cultura na constante luta pela adaptação entre as características naturais e urbanas.

 Fonte: Catraca Livre