Cine Matilha divulga programação para o mês de julho

O Cine Matilha divulgou a programação de julho. Confira!

05/07 ( quarta-feira)
15h Clash
17h Era o Hotel Cambridge
19h Fogo no Mar

07/07 (sexta-feira)
16h 12 de Novembro
17h Terra de Luta
18h Paixão e Luta
19h Fogo no Mar

08/07 (sábado)
15h 12 de Novembro
16h Terra de Luta
17h Paixão e Luta
18h A Linguagem do Coração (sessão+debate)
20h Fogo no Mar

11/07 (terça-feira)
Sobre Viagens e Amores

12/07 (quarta-feira)
15h Clash
17h Sobre Viagens e Amores

13/07 (quinta-feira)
15h Clash
17h Fogo no Mar
19h Sobre Viagens e Amores

14/07 (sexta-feira)
17h Sobre Viagens e Amores
19h Clash

15/07 (sábado)
16h Sobre Viagens e Amores
18h Clash
20h Era o Hotel Cambridge

18/07 (terça-feira)
19h Era o Hotel Cambridge

19/07 (quarta-feira)
15h Era o Hotel Cambridge
17h Fogo no Mar
19h Clash

20/07 (quinta-feira)
15h Fogo no Mar
17h Clash
19h Fogo no Mar

21/07 (sexta-feira)
17h Era o Hotel Cambridge
19h Clash

22/07 (sábado)
15h Clash
17h (sessão+debate) Era o Hotel Cambridge
20h Fogo no Mar

Sinopse e Ficha Técnica dos Filmes

Clash
Não recomendado para menores de 14 anos
Quando o governo do presidente Mohamed Morsi, eleito através da primeira eleição geral do Egito, foi derrubado por militares, uma forte tensão tomou conta do país. Isso porque, logo depois, parte da população que apoiava tomou as ruas para reivindicar o seu retorno e, durante os protestos, um grupo de pessoas de diferentes origens e com opiniões antagônicas acabou sendo preso arbitrariamente em uma velha caminhonete.
Data de lançamento 4 de maio de 2017 (1h 37min)
Direção: Mohamed Diab
Elenco: Nelly Karim, Tarek Abdel Aziz, Ahmed Malek mais
Gêneros Drama, Suspense

Fogo No Mar
O documentário captura a vida da ilha italiana de Lampedusa. Na costa sul da Itália, o local se tornou linha de frente na crise de imigração da Europa. O local virou manchete mundial nos últimos anos por ser o primeiro porto de escala para centenas de milhares de imigrantes da África e do Oriente Médio que tentam fazer uma nova vida no continente europeu.
Título original  Fuocoammare
Data de lançamento 28 de abril de 2016 (1h 49min)
Direção: Gianfranco Rosi
Elenco: atores desconhecidos
Gênero Documentário
Nacionalidades Itália, França

A Era do Hotel Cambridge
Refugiados recém-chegados ao Brasil dividem com um grupo de sem-tetos um velho edifício abandonado no centro de São Paulo. Além da tensão diária que a ameaça de despejo causa, os novos moradores do prédio terão que lidar com seus dramas pessoais e aprender a conviver com pessoas que, apesar de diferentes, enfrentam juntos a vida nas ruas.
Data de lançamento 16 de março de 2017 (1h 39min)
Direção: Eliane Caffé
Elenco: Carmen Silva (II), Isam Ahmad Issa, José Dumont mais
Gênero Drama
Nacionalidade Brasil

12 de Novembro
O documentário narra o nascimento do MMA (Mixed Martial Arts), a nova era das artes marciais no mundo. A especialidade e dedicação a uma única  modalidade de luta já não é o suficiente para um lutador alcançar o topo de uma carreira vitoriosa, no mundo contemporâneo.
Diretor: João Wainer
Diretor e fotógrafo. Passou pelos jornais Folha de S.Paulo e Jornal da Tarde. Dirigiu os documentários “JUNHO – O mês que abalou o Brasil” e “PIXO” sobre o fenomêno da pixação em São Paulo. Assinou a direção de fotografia dos documentários Xpress (2009, MTV internacional / UNICEF) e na série Chico Buarque(2006/2007, TV Bandeirantes / Multishow).

Terra de Luta – As Origens da Luta no Brasil
O documentário faz uma viagem pelas origens da luta no Brasil, partindo dos primeiros registros arqueológicos pré-históricos encontrados no Brasil, na Serra da Capivara (PI); passando pela Huka- Huka dos índios do Xingu, no Mato Grosso; pela Luta Marajoara, da Ilha de Marajó (PA), até a Capoeira em Salvador (BA).
Diretor: Tadeu Jungle
É um artista multimídia. Entre outros trabalhos, dirigiu o curta-metragem em VR “Rio de Lama”, o longametragem “Amanhã Nunca Mais” (2011), e codirigiu o documentário “Evoé – Retrato de um Antropófago”, sobre Zé Celso Martinez Corrêa, criador do Teatro Oficina.

Paixão e Luta
O documentário retrata o universo dos torcedores de luta, com entrevistas feitas em Manaus, Dublin, Las Vegas e Manila, revelando como o amor pela luta transformou as vidas desses fãs, para quem os lutadores são exemplos representados pela paixão, força e determinação.
Diretor: Paulo Caldas
É diretor e documentarista. Codirigiu com Lírio Ferreira “Baile Perfumado”(1997), vencedor do Festival de Brasília. Escreveu o roteiro de “Cinema, Aspirinas e Urubus” (2005), em parceria com Marcelo Gomes e Karim Aïnouz, e dirigido por Gomes. O longa foi selecionado para a mostra Um Certo Olhar, do Festival de Cannes e vencedor do prêmio especial do júri no Festival do Rio.

A linguagem do coração
Direção Silvana Nuti
Desde o início da guerra da Síria, o Brasil recebe mais refugiados do que os países na rota de fuga para a Europa. O Estado de São Paulo lidera o ranking de pedidos de refúgio no Brasil, sendo a maioria da Síria,  Angola, Nigéria e Congo. Além da facilidade do visto,  por que esses imigrantes escolhem o Brasil? Somada à sólida barreira da dificuldade da língua e da falta de trabalho, o país enfrenta uma das piores crises político-econômica de sua história.
Há razões que vão além das palavras.

Sobre Viagens e Amores
Sinopse: Em sua primeira viagem para América, Marco e Maria, jovens Italianos, inesperadamente são recepcionados por Matt e Paul, um casal gay. A estadia na casa deles gera grandes conflitos, dúvidas e surpreendentes sentimentos são revelados. Essa viagem de alegrias e descobertas, mudará a vida de todos.
Ficha técnica:
Diretor: Gabriele Muccino
Elenco: Matilda Lutz, Taylor Frey, Joseph Hero e Brando Pacitto
Duração: 103 minutos

Sobre o Cine Matilha:

O Cine Matilha é um ambiente “pet-friendly” e recebe constantemente o público com seus pets . O espaço possui 68 lugares, além de 2 lugares para cadeirantes.
Programação gratuita mediante a doação de 1 kilo de alimento não perecível, roupas, brinquedos, livros e produtos para higiene pessoal para crianças e adultos.

Sobre a Matilha Cultural:
Com oito anos completados em maio de 2016, a Matilha Cultural é uma entidade independente e sem fins lucrativos instalada em um edifício de três andares, localizado no centro de São Paulo. Integra um espaço expositivo, sala multiuso, café, além de um cinema com 68 lugares. Fruto do ideal de um coletivo formado por profissionais de diferentes áreas, a Matilha foi aberta em maio de 2009 e tem como principais objetivos apoiar e divulgar produções culturais e iniciativas socioambientais do Brasil e do mundo.

MATILHA CULTURAL – www.matilhacultural.com.br
Rua Rego Freitas, 542 – São Paulo – Tel.: (11) 3256-2636
Horários de funcionamento: terça-feira a domingo, da 12h às 20h/ exceto sábados: 14h às 20h
Wi-fi grátis. Cartões: VISA (débito/ crédito)
Entrada livre e gratuita, inclusive para cães

Fonte: Cine Matilha