Como gerir um museu

A gestão é o grande desafio dos profissionais de museus do século XXI.

Administrar um museu não é tarefa fácil. Toda a gestão de um equipamento cultural é desafiadora – não importa a sua dimensão – sobretudo dos que salvaguardam coleções significativas para suas comunidades. De um lado está o seu público, que coloca demandas de salvaguarda, comunicação, e fruição e as cobra dos gestores. De outro está o fluxo de trabalho, volume de recursos, cenário ideal e cenário real […]

Derrubando os muros dos Museus

Relação entre o museu e seu entorno deve voltar ao cerne das discussões com a crise sanitária Por Michael Lopes Argento É inegável o avanço que os museus têm empenhado nos últimos anos para aproximar o patrimônio cultural de seu público por meio de uma mediação dialógica. Mesmo em detrimento de orçamentos e equipes enxutas, […]

Quando sistematizar é preciso

Gerindo uma rede de museus que, simplesmente, não atua em rede.

Gerir uma instituição museológica, por si só, não é tarefa simples. Imagine, então, a seguinte situação: um universo de, aproximadamente, 50 museus; espalhados por mais de 40 municípios paulistas; criados em anos distintos; administrados por profissionais da área de educação, com pouco ou nenhum conhecimento sobre museologia […]

Documentar para quê?

Administrando os desafios da documentação museológica na esfera da Gestão Pública.

Fato notório aos profissionais de museus, o entendimento sobre a necessidade de tratamento técnico do patrimônio, incluindo procedimentos sistematizados de documentação e conservação de acervos, é prática um tanto recente no contexto brasileiro. A escassez na oferta de formação profissional para o setor, somada à demasiada importância atribuída a outras áreas aplicadas da museologia em detrimento das atividades de preservação […]

Educação em museus: uma discussão (ainda) necessária

Michael Argento – ACAM Portinari O momento é de resiliência e reflexão aos profissionais da cultura. Em épocas de distanciamento social, os olhares sobre setores relacionados à extroversão do patrimônio cultural se tornam mais evidentes, sobretudo no que concerne à sua adaptabilidade à virtualização de suas atividades. Se o desafio da democratização do acesso à […]