Campanha faz menina ‘sumir’ de quadro de Renoir no Masp

Reprodução
Campanha do Ministério Público

Se você já foi ao Museu de Arte de São Paulo (Masp) alguma vez, deve ter ficado emocionado diante do quadro “Rosa e Azul”, do pintor francês Auguste Renoir.

O quadro de 1881 traz as meninas Alice e Elisabeth Cahen d’Anvers, vestidas em rosa e azul.

A pintura é uma das mais famosas e importantes do museu e já virou símbolo da cidade.

O Ministério Público, em sua nova campanha sobre crianças desaparecidas, traz depoimentos extremamente tristes e emocionantes de mães que vivem tal tragédia.

No comercial, uma das meninas do quadro de Renoir foi apagada digitalmente, como forma de simbolizar tamanha perda.

O vídeo foi batizado de “A Obra-Prima Incompleta”.

A criação foi da VLM.

No site do MP, é possível saber mais sobre orientações e estatísticas.

No site do Masp há mais sobre a pintura original.

Fonte: Exame.com