Museus de SP registram recorde de visitação em 2013 com 3,3 milhões de pessoas

A Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo anunciou visitação recorde aos museus paulistas em 2013. Durante o ano passado, cerca de 3,3 milhões de pessoas estiveram nessas instituições expositivas.

As razões apontadas pela pasta como responsáveis pelo alto índice de comparecimento foram a diversificação de atividades oferecidas, a ampliação do horário de funcionamento e a abordagem de temas contemporâneos de destaque, citando como exemplos as exposições “Cazuza Mostra Sua Cara”, no Museu da Língua Portuguesa (centro de São Paulo), e “Stanley Kubrick”, no MIS (Museu da Imagem e do Som).

Fila da última sexta-feira da exposição Stanley Kubrick no MIS

Fila da última sexta-feira da exposição ‘Stanley Kubrick’ no MIS

A panorâmica sobre a vida e obra do cultuado cineasta americano também foi eleita como melhor exposição de 2013 em votação virtual realizada pelo “Guia”. A atração, que levou mais de 80 mil pessoas ao prédio situado na zona oeste da cidade, teve o maior registro de público da história do MIS.

No dia 31/1 o espaço inaugura a mostra “David Bowie”. Ingressos podem ser comprados antecipadamente pela internet.

Ainda de acordo com a secretaria, o museu mais visitado de 2013 na capital paulista foi o Catavento (centro), com público de quase 520 mil pessoas. Fora do município, o mais procurado foi o Museu do Café, em Santos (litoral de SP), com 260 mil visitantes.

O balanço ainda aponta que mais de 1,3 milhão de pessoas entraram de graça nesses estabelecimentos, representando quase 40% do total de visitantes. Boa parte dos espaços também oferecem visitação à noite, momento aproveitado por 40 mil pessoas.

Na internet, mais de 5 milhões de pessoas acessaram as páginas dessas instituições, com destaque para o Museu da Imigração, que teve 1,2 milhão de acessos ao seu acervo de documentos digitalizados.

 

Fonte: Folha de S. Paulo